Briefing

Início > Marketing > “Vida Marinha” invade Pingo Doce

“Vida Marinha” invade Pingo Doce

terça, 12 setembro 2017 12:06

Depois dos animais do Zoo, agora o Pingo Doce é conquistado pela "Vida Marinha" do Oceanário de Lisboa. A marca lança assim a segunda coleção dos Super Animais, desta vez focada nos marinhos. A campanha decorre até ao dia 30 de outubro com comunicação em televisão, no Facebook e no YouTube.

"Nesta nova edição procurámos proporcionar uma experiência lúdica e didática, incorporando novas tecnologias. Esta coleção convida a explorar os mistérios do oceano e a descobrir alguns dos mais fantásticos animais marinhos. A parceria com o Oceanário de Lisboa, que já remonta a 2003, foi essencial para desenvolvermos conteúdos científicos de elevada qualidade", refere a diretora de marketing do Pingo Doce, Maria João Coelho.

Já para o Oceanário de Lisboa "esta parceria permite realizar uma campanha de literacia azul com uma escala sem precedentes, partilhando com milhares de famílias a visão de que conhecer e proteger o oceano é uma responsabilidade de todos", explica a diretora de comunicação, Patrícia Filipe.

A nova coleção é composta pelo "Grande Álbum do Mergulhador", que será vendido por 0,99€ dos quais 0,20€ revertem para projectos de conservação do Oceanário de Lisboa, e por 120 cartas sobre as diversas espécies marinhas. Tal como na primeira edição, por cada dez euros de compras nas mais de 400 lojas Pingo Doce, os clientes recebem um pack de quatro cartas.

Há ainda vários passatempos na página do Super Animais 2 e uma App de Realidade Virtual que permite interagir com 20 cartas da coleção em realidade aumentada e visitar o fundo dos oceanos com uma visão 360º. Através dos "Oceanóculos", com um custo de aquisição de 1,99, será ainda possível ver o fundo do mar. Além disso, há uma segunda App dedicada ao álbum digital. Ambas as aplicações são gratuitas e estão disponíves para Iphone (Apple) e Android (Google Play).

Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

Vídeo


Considerações Legais     © 2016 briefing     Ficha Técnica  Estatuto Editorial