Briefing

Início > Media > Google alerta marcas para presença de anúncios “irritantes”

Google alerta marcas para presença de anúncios “irritantes”

quinta, 10 agosto 2017 10:54

A Google pretende proteger a sua reputação e vai tomar medidas contra aproximadamente mil publicações online, após ter detetado que estas utilizam anúncios "irritantes, enganosos ou prejudiciais".

Forbes, The Los Angeles Times e The Independent são algumas das marcas que já foram alertadas sobre a excessiva publicidade dos seus sites, que vai contra as normas do Better Ads Standard, composto por vários anunciantes, canais de media e empresas de tecnologia. Além do aviso, a Google encaminhou também, através de email, o link para a Ad Experience Report, ferramenta onde as marcas e negócios podem testar os sites para verificar que anúncios devem ser retirados.

"Fazemos isto para que tenham tempo suficiente para mudar os seus anúncios para que não haja violações ou preocupações. Fornecemos a ferramenta para avisar as pessoas sobre o que se passa no seu site e muitas querem fazer o que está correto, mas nem sabem que têm anúncios irritantes nos seus sites", explica o diretor de produto da Google, Scott Spencer.

Já no próximo ano o Chrome irá bloquear automaticamente anúncios que sejam de alguma forma considerados negativos. Em 2016 a Google removeu, pelo menos, 1,7 mil milhões de "maus anúncios".

Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

Modificado em quinta, 10 agosto 2017 10:59


Considerações Legais     © 2016 briefing     Ficha Técnica  Estatuto Editorial