As surpreendentes contas dos diários de Economia: 1+1=4

directores_economico_negocios_mesa.jpg
Os directores dos dois diários económicos estão de acordo. A existência dos dois jornais aumentou o mercado. “O Diário Económico vende mais do que vendia, quando o Jornal de Negócios passou para diário. E o Jornal de Negócios vende mais do que o Diário Económico vendia naquela altura. O mercado mais do que duplicou”, afirma Pedro Santos Guerreiro, director do Negócios. “Obviamente beneficiamos de alguma desorientação editorial em jornais como o Diário de Notícias, que chegou a ter um suplemento económico diário que concorria connosco e depois abandonou esse projecto”, acrescenta António Costa, director do Económico.

Leia parte da entrevista aqui. (Entrevista completa exclusiva para os assinantes)

Fonte: Briefing | Nº 11 | Julho de 2010

Sexta-feira, 16 Julho 2010 11:56


PUB

PUB

2050.Briefing

À Escolha do Consumidor