BESI com “papel fundamental” na operação PT e grupo Oi

Lisboa, 27 jan (Lusa) – O Banco Espírito Santo Investimento (BESI)
congratulou-se hoje por ter tido “papel fundamental” em toda a operação
que envolveu o negócio de compra e venda entre a Portugal Telecom (PT) e
o grupo brasileiro Oi.


Em comunicado, o BESI afirmou que o banco
“teve um papel fundamental, desde o início das negociações que deram
origem ao anúncio da operação pela PT em 27 de julho de 2010 até ao
‘signing’ [assinatura] ocorrido no dia 25 de janeiro de 2011”.

A
PT anunciou na quarta-feira um acordo com a Oi e os seus acionistas um
investimento na operadora brasileira de 8,32 mil milhões de reais (3,64
mil milhões de euros), ficando com uma posição acionista de 25,6 por
cento.

Segundo o banco de investimento, a operação teve a
“intervenção directa do seu presidente José Maria Ricciardi, que
acompanhou toda a aproximação inicial entre a PT e os accionistas da Oi”
e que resultou na elaboração do primeiro memorando de entendimento
entre as partes.

O BESI refere também que, no seguimento do
memorando, assessorou a PT “em todas as fases do processo de análise das
empresas do grupo Oi, estruturação dos aumentos de capital e apoio à
negociação dos contratos que foram assinados no passado dia 25 de
janeiro”.

Para além do BESI, estiveram envolvidos na operação, os
bancos Morgan Stanley, Merryl Lynch/Bank Of America e Caixa BI.

AJG.

***
Este texto foi escrito ao abrigo do Acordo Ortográfico ***

Lusa/fim

 

Quinta-feira, 27 Janeiro 2011 18:27


PUB

PUB

2050.Briefing

À Escolha do Consumidor