Financial Times soma e segue no digital

Financial Times soma e segue no digital

A aposta do Financial Times no digital continua a ser bem sucedida: no final do ano, as assinaturas digitais haviam crescido 18 por cento, para 316 mil, elevando a circulação total para 602 mil. As assinaturas da edição impressa foram assim ultrapassadas pelo online, mas os donos do jornal rejeitam a hipótese de o vender.

Citado pelo The Guardian, John Fallon, o ceo da Person, empresa detentora do título, negou que o Financial Times esteja à venda. “É uma parte válida e valiosa da Person. Nunca disse que o negócio estava à venda, nem iniciei conversações sobre isso”.

Fallon acrescentou que “cada parte da empresa tem de trilhar o seu caminho e ter sucesso nos seus próprios termos” e que isso é o que acontece com o Financial Times.

Das assinaturas digitais, 15 por cento são provenientes do mobile, que é responsável por 30 por cento de todo o tráfego.

 

Fonte: The Guardian

Segunda-feira, 25 Fevereiro 2013 13:01


PUB

PUB

2050.Briefing

À Escolha do Consumidor