Comunicação

Fomos à Luz com Chakall e #ProvamosEAprovamos

Impõe-se uma nota prévia: quem assina este artigo não é simpatizante do Benfica. Mas isso não a impediu de ir até à Luz provar a nova proposta com a marca de Chakall: com vista para as bancadas, o jogo é entre sabores do mundo, ou melhor, sabores de três países que têm em comum a paixão pelo futebol.

sexta-feira, 03 janeiro 2020 12:06
Fomos à Luz com Chakall e #ProvamosEAprovamos

 

Quais? Além de Portugal, o país que o chef escolheu para viver há duas décadas, a Argentina, o país de onde é natural, e Itália, de onde vem o pizzaiolo que há dois anos o acompanha nas aventuras gastronómicas em Lisboa, Roberto Mezzapelle.

São três países que partilham ainda a paixão pela gastronomia e que praticam a arte de estar à mesa. É de Itália que chega uma das entradas que provámos: provoleta, isto é, queijo provolone, azeite e orégãos, servido quente e um convite a mergulhar (gulosamente) uma fatia de pão bem tostado.  Teve a companhia de uma receita “De Mirandela com amor”, nada mais do que bolinhas de alheira, servidas com mostarda e pão panko. E de croquetes, também tipicamente portugueses. Não provámos, mas no reino das entradas não podiam faltar as empanadas argentinas. Fizemos depois uma incursão pela pizzaria, com um mix de triângulos de massa fina e estaladiça bem recheados.

Fomos à Luz com Chakall e #ProvamosEAprovamos

Até que chegou a hora de “atacar” a carne, argentina como o chef. Picanha, claro; chuleton, com uma maturação de 30 dias; e chuletitas de borrego de leite. Para acompanhar, havia muito que escolher, mas a mandioquinha frita e as batatas provençal ganharam.

Fomos à Luz com Chakall e #ProvamosEAprovamos

E, finalmente, o remate: mini churros com doce de leite, mousse de chocolate com vinho do Porto, e panna cotta de erva limão.

Fomos à Luz com Chakall e #ProvamosEAprovamos

O termo “remate” não surge aqui por acaso: é que toda a ementa está construída à volta do léxico futebolístico. Vejamos: o couvert é o Aquecimento, as entradas são o Kick Off, a carne está Dentro das 4 Linhas, o menu infantil é para Iniciados, os snacks servem-se no Intervalo, para as sobremesas vai-se a Prolongamento.

Tudo para provar num espaço despojado, decorativamente falando. Porque o objetivo foi manter o ar industrial do estádio, de modo a haver continuidade entre os vários conceitos pensados para o Luz by Chakall: um restaurante com 12o lugares sentados, um sports bar, uma garrafeira e um espaço para eventos. O almoço é das 12 às 15 e o jantar, às quintas, sextas e sábados, das 19 às 23. Ao domingo fecha. E, em dias de jogo, o melhor é espreitar as redes sociais ou telefonar antes, para saber se está aberto.

Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

 

sexta-feira, 03 janeiro 2020 12:26

bt nl

2050.Briefing

O Outdoor Honesto

À Escolha do Consumidor

Edições Especiais

Assinatura Mensal
Edição MensalE-paper

Facebriefing