Criatividade

Portfolio Night. O Mário está à espera de boas selfies

Nesta ronda pelos diretores criativos da Portfolio Night, voltamos aos trocadilhos. Perguntámos a Mário Mandaracu, cofundador de A Equipa, se um portefólio se faz em… equipa. E talvez não, é mais uma selfie.

quinta, 09 maio 2019 12:23
Portfolio Night. O Mário está à espera de boas selfies

 

O Mário explica a definição:

“O portfolio é a selfie que vão partilhar para receber likes de quem (ainda) não os conhece. Em equipa? Até pode. Dito isto, se quiserem mostrar aquela foto com o Marcelo ou à mesa naquele jantar inesquecível com um bando de amigos já de banda, isso deve ser relevante ou, no mínimo, fazer algum sentido. Por outras palavras, em caso de apresentarem projetos de grupo, identifiquem o papel que tiveram no processo de criação.

Mais do que aquilo o que fazem, a apresentação do portfolio vai espelhar aquilo o que são, é isso o que queremos ver e terão poucos minutos para o fazer. Não apresentem nada de que não se orgulhem, organizem bem os projetos, venham preparados para responder às perguntas, para defender as suas ideias, para aceitar bem as críticas (e quem sabe até elogios!). Acima de tudo surpreendam-nos. Sem medos.”

Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

 

bt nl

Assinatura Mensal
Edição MensalE-paper

Facebriefing

Melhores Briefing