Criatividade

O Pedro quer um portefólio que acelere o coração

“Um All Star Portfólio tem de ser mesmo especial”, é o que diz o diretor criativo da Wunderman Thompson, a propósito da Portfolio Night, de que é um dos jurados. E o que significa er “especial”? “Tem de nos acelerar o batimento cardíaco, tem de nos dilatar as pupilas e tem de nos abrir a boca de espanto. No mínimo.”

terça-feira, 11 maio 2021 11:03
O Pedro quer um portefólio que acelere o coração

 

“Pode ser pela criatividade, pode ser pelas soluções e força gráfica, pode ser pela técnica, pela expressividade das ilustrações, pelo poder do texto, o que for. O que quer que seja, tem mesmo de nos agarrar pelos colarinhos e nos levantar os pés do chão durante uns segundos, como um bom All Star faz”, acrescenta.

Licenciado em Design Gráfico pelo IADE, Pedro Magalhães começou a trabalhar em agências em 1992 e desde então passou pela Y&R, Lintas, FCB, JWT, BBDO, Havas, Fullsix e ainda repetiu algumas. É o caso da Thompson, é a terceira vez que está na agência.  

É um dos fundadores do Clube Criativos de Portugal, anfitrião da iniciativa do The One Club que se propõe encontrar um “All Star Portfolio”. Será a 27 de maio, tendo a Briefing como media partner.

 

Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

 

bt nl

Liga-te com o Coração

À Escolha do Consumidor

Edições Especiais

Assinatura Mensal
Edição MensalE-paper

Facebriefing

Melhores Briefing