Entrevistas

Novos serviços, novas soluções. A resposta de Catarina e da LPM a uma crise sem manual

“Não havia um manual de crise para esta crise”. As palavras são da diretora-geral da LPM, Catarina Vasconcelos, a propósito da resposta da consultora de comunicação em tempos de Covid-19: novos serviços e novas ofertas à medida da diversidade de clientes. Às marcas deixa o conselho de que evitem ruido excessivo e tenham a máxima transparência.

quinta-feira, 16 abril 2020 12:44
Novos serviços, novas soluções. A resposta de Catarina e da LPM a uma crise sem manual

 

Briefing | Que desafios coloca a pandemia de Covid-19 a uma consultora de comunicação?

Catarina Vasconcelos | A LPM foi muito rápida na decisão de colocar os seus colaboradores em teletrabalho. Há mais de um mês, a nossa House of PR transformou-se em mais de 150 “Houses of PR”. E, se já temos uma política de acompanhamento continuado aos nossos clientes, foi necessário reforçar ainda mais essa proximidade. Foi incrível a forma imediata, natural e orgânica como este processo decorreu. Temos estado, de uma forma ininterrupta, ao lado dos nossos clientes para responder e antecipar as suas necessidades. A valorização e enquadramento da informação estratégica é fundamental nestes momentos e há uma necessidade de um acompanhamento constante, porque o ritmo a que surgem dados novos é muito acelerado e é preciso saber lê-los, enquadrá-los e trabalha-los, sem perder o timing.  

Como antecipamos as necessidades dos nossos clientes, somos também pró-ativos na oferta de soluções para resolver questões que se colocam. Neste sentido, investimos imediatamente em novas soluções e ofertas e desenvolvemos novos modelos de negócio que adaptamos a estas novas exigências contextuais.

 

Como continuar a ser relevante para as audiências (isto é, para os meios e, através deles, para os consumidores?

A estratégia de relevância de cada cliente não se altera na sua génese.  É forçoso fazer chegar a mensagem certa pelos meios adequados, ter porta-vozes assertivos e claros e sermos inovadores nas propostas que apresentamos. O atual contexto obriga a um cuidado extra, para que façam sentido as ações desenvolvidas e para que se enquadrem no momento que estamos a viver.

 

E para os clientes? Como aconselhar no atual contexto?

Na LPM temos clientes muito diferentes entre si, que exigem formas de comunicar diametralmente opostas. O que é necessário é pensar estrategicamente e trabalhar cada cliente de uma forma única, tendo em conta as suas especificidades. De uma forma mais transversal, temos sempre atenção às recomendações e orientações sobre o tom e o conteúdo das mensagens, aconselhamos os clientes a evitar o “ruído” excessivo e a terem a máxima transparência.

 

Os clientes têm novas necessidades. Como responder-lhes? Com que serviços, com que soluções?

Por um lado, pela complexidade e alto perfil dos nossos clientes, sempre estruturámos as nossas equipas para funcionarem em modo de crise permanente. Por outro, a proximidade que a LPM tem com os seus clientes permite antecipar uma série de necessidades e investir na criação e no desenvolvimento de soluções rápidas e eficazes. Estamos a explorar todas as potencialidades do digital, que utilizamos ao serviço de variadíssimas soluções. Sentimos, por exemplo, que, mais do que nunca, os nossos clientes precisam de apoio na comunicação com os seus colaboradores. Com a alteração profunda à forma como estavam organizadas e agora com as equipas a trabalhar remotamente, as empresas estão a fazer um grande esforço de ajustamento. Nunca foi tão importante acompanhar os Recursos Humanos, como agora. Ajudar a criar novas rotinas, motivar e assegurar o fluxo de trabalho eficazmente, evitando a dispersão. Nesta fase, uma comunicação continuada, interativa e planeada é ainda mais determinante. Para responder a esta necessidade desenvolvemos a solução HUMAN CAPITAL: SHARE ENERGY, com uma oferta dedicada e ajustada a cada cliente, com várias atividades dinâmicas e interativas, que permitem acompanhar os colaboradores, manter a cultura da empresa, o sentimento de pertença e a motivação. Através de conteúdos dedicados que geram engagement e promovem a interação entre os participantes, é possível manter a proximidade, a troca de ideias e o foco. Talks, dicas, atividades participadas, acompanhamento e desafios diretos são algumas ferramentas de comunicação interna que desenvolvemos.

 

Com ferramentas como os eventos e as ativações fora da equação, o digital tem ganho peso? Em que medida?

Para dar resposta ao contexto atual, a LPM reforçou o seu serviço de desenvolvimento de plataformas para eventos digitais através da insígnia WEB MEETINGS. Este investimento surge para responder à necessidade da conceção de estratégias diferenciadoras que permitam assegurar a normalidade do fluxo da comunicação entre empresas, marcas e outras entidades com os seus targets, ao mesmo tempo que se garante a segurança de todos.

Sempre desenhada à medida dos clientes e dos seus desafios de comunicação, seja qual for a tipologia da iniciativa, de congressos a ativações de marca, a WEB MEETINGS tem à disposição um conjunto de serviços que garantem toda a conceção, organização e produção, desde a fase de preparação até ao pós-evento. Com a promoção do ajustamento do formato dos eventos, utilizando tecnologia inovadora, o alcance e o impacto de iniciativas coletivas fica assegurado.  Os eventos são realizados de forma virtual, numa experiência integrada que permite debates interativos, sessões participativas e moderadas e diálogo aberto com os participantes. São soluções ágeis e muito rápidas de viabilizar. Esta abordagem virtual posiciona as empresas como entidades inovadoras, criando uma narrativa dinâmica e diferenciadora. Ao mesmo tempo, permite que se mantenha a relação com os stakeholders, sem perda de território, e que se assegure visibilidade e impacto às mensagens que se pretende transmitir.

 

Comunicar ou não comunicar, pode ser bem a questão. Que leitura faz a LPM deste “dilema”?

Este é um desafio inédito para as empresas, para as marcas e para as consultoras. A LPM sempre inovou, sempre esteve na linha da frente em termos de oferta de serviços e soluções. Este é mais um desafio. E, como sempre, estamos a responder de forma inovadora, pró-ativa e com resultados muito interessantes. A verdade é que não existia um manual de crise para esta crise.

Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

quinta-feira, 16 abril 2020 16:20

bt nl

2050.Briefing

O Outdoor Honesto

À Escolha do Consumidor

Edições Especiais

Assinatura Mensal
Edição MensalE-paper

Facebriefing