Entrevistas

Os ninjas vão avaliar em mais áreas de negócio – conta o José

A Brands&Ninjas espera expandir a sua atividade para outras áreas de negócio, além do retalho, até ao final do ano, e iniciar o processo de internacionalização, no mercado espanhol, no início de 2022. O cofundador e CEO, José Pedro Moura, revela ainda que a comunidade de ninjas desta plataforma DaaS – data as a service –, que permite às marcas avaliar a sua presença no ponto de venda, é o “grande poder” do serviço e é o que o distingue dos demais.  

segunda-feira, 29 março 2021 13:14
Os ninjas vão avaliar em mais áreas de negócio – conta o José

Briefing | O que se propõe a fazer a Brands&Ninjas?

José Pedro Moura | A nossa missão é dar às marcas a possibilidade de auditar, em tempo útil, campanhas, promoções, preços ou stock em prateleira, nos pontos de venda. Com a Brands&Ninjas, as marcas conseguem reunir mais informação útil em pouco tempo, ajudando as suas equipas comerciais a controlar os seus objetivos e as suas campanhas e, mais do que isso, a planear a atividade comercial de forma mais eficiente.

A comunidade atual de ninjas consegue completar uma avaliação, ao nível nacional, em 72 horas – valor de referência para uma auditoria a cerca de 800 lojas –, conseguindo assim entregar métricas à marca de forma rápida e em tempo útil.

 

Qual é a principal missão dos “ninjas”?

Os ninjas são os olhos das marcas nos pontos de venda, são os nossos auditores. A sua missão é receber indicações sobre os parâmetros que devem ser avaliados, tirar as fotografias e responder às perguntas que aferem: se os produtos de uma dada marca estão expostos de acordo com o definido, se estão de facto em promoção como deviam, se há stock disponível no linear, se o preço está certo, entre outros parâmetros que podem ser definidos pela marca.

 

Como funciona a plataforma, em termos práticos?

Para as marcas: através da plataforma, as marcas definem o que querem que seja avaliado no ponto de venda – exemplo: ilha com promoção de 50% do produto X ou Y – e constroem missões para os ninjas, indicando também o valor a ser pago por cada missão. Cada missão consiste no envio de uma ou várias fotografias – da ilha, por exemplo –, sempre georreferenciadas e com timestamps, assim como respostas a perguntas fechadas, para que a plataforma possa gerar um relatório estatístico.

À medida que as missões vão sendo realizadas, a plataforma faculta às marcas os dados estatísticos, em tempo real. Além dos dados estatísticos disponíveis automaticamente na plataforma, as marcas podem ainda fazer download de um ficheiro mais exaustivo com todas as métricas recolhidas durante as missões.

Para os ninjas: na aplicação disponível para os sistemas operativos iOS e Android, os ninjas podem consultar as missões disponíveis perto de si. As missões são de curta duração – média de cinco minutos –, consumindo assim muito pouco tempo a cada ninja. Por cada missão completa e aceite pela marca, os ninjas são remunerados, através do seu perfil, na aplicação móvel. O valor de cada missão pode variar, sendo o seu mínimo três euros.

 

O que distingue o serviço de outros que já existam no mercado?

A comunidade de ninjas é o nosso grande poder. Temos uma comunidade extensa e espalhada por todo o País – o que é essencial para fazer uma auditoria eficiente à presença das marcas num elevado número de pontos de venda. Nenhum outro serviço semelhante oferece uma cobertura de serviço tão grande como a nossa, em Portugal.

Isto é crítico porque enquanto que numa loja grande, mesmo que haja rutura de stock ou que determinada campanha não esteja assinalada no linear, o cliente pode escolher um produto alternativo da mesma marca, numa loja pequena, e acaba por optar por um produto da concorrência. Embora esse facto faça destas lojas pontos críticos para a operação, é impossível chegar a todas elas com equipas comerciais limitadas e para quem esta tarefa não é prioritária.

A tarefa de confirmação dos termos das promoções e posicionamento no linear cabe, regularmente, às equipas comerciais internas ou a empresas que o fazem em regime de outsourcing. Essas equipas dependem de um número finito de pessoas e, por isso, são limitadas geograficamente, e, em termos de horários e trabalho, estando longe de ser uma solução em tempo real. É por isto que muitas das marcas não conseguem avaliar os seus investimentos e o seu verdadeiro posicionamento no ponto de venda, uma vez que é fisicamente impossível irem a todos eles, sobretudo aos mais pequenos, e cobrir todas as freguesias e bairros, em tempo útil de avaliar as campanhas contratadas.

O nosso objetivo não é substituir as equipas comerciais ou de outsourcing que estão a trabalhar para determinada marca, mas, sim, dar informação de suporte que reforce e otimize as suas funções, controlando melhor os seus objetivos e campanhas e planeando a sua atividade comercial. Por exemplo, depois dos nossos ninjas identificarem as lojas com incumprimentos, nas suas missões, a equipa comercial pode sinalizar os espaços onde o seu acompanhamento é prioritário.

 

Quais as vossas expetativas para o primeiro ano?

Estimamos a consolidação da nossa atividade em outras áreas de negócio, além do retalho, até ao final deste ano. Farmácias, balcões de bancos, gasolineiras, stands de automóveis, redes de outdoor e redes de franchising são os setores onde este modelo pode vir a resolver muitos problemas. Queremos consolidar processos e aumentar a qualidade do reporting existente, através do lançamento de novas features na plataforma.

 

A internacionalização está prevista para quando?

Prevemos iniciar a expansão internacional entre o final deste ano e o início de 2022. Os mercados para onde vamos expandir dependem acima de tudo dos países onde estão presentes os nossos clientes, por isso, antevemos como uma das nossas prioridades a entrada no mercado espanhol, para uma primeira fase de internacionalização.

Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

bt nl

À Escolha do Consumidor

Edições Especiais

Assinatura Mensal
Edição MensalE-paper

Facebriefing

Melhores Briefing