Entrevistas

Colaboradores felizes fazem clientes felizes? A Zurich acredita que sim e o Nuno conta porquê

Chama-se LiveWell e é a mais recente ferramenta de interação entre a Zurich e os colaboradores. Assenta na convicção de que colaboradores felizes fazem clientes felizes e na estratégia da seguradora, que se assume como relacional e próxima. É o que conta o diretor de Recursos Humanos em Portugal, Nuno Oliveira.

segunda-feira, 01 agosto 2022 12:15
Colaboradores felizes fazem clientes felizes? A Zurich acredita que sim e o Nuno conta porquê

Briefing | A Zurich acaba de lançar a LiveWell. Porquê uma app só para colaboradores?

Nuno Oliveira | A LiveWell é uma app desenvolvida pelo Grupo Zurich, disponível para colaboradores e clientes em alguns países e que, em Portugal, lançámos recentemente para os colaboradores. O objetivo da app é conduzir os utilizadores numa jornada de bem-estar e felicidade e o lançamento da app no nosso país está relacionado com os vários projetos que temos vindo a implementar no âmbito da Jornada de Saúde Mental e Bem-Estar que iniciámos, internamente, em 2016. Ou seja, a app é mais uma ferramenta e um canal de interação que disponibilizamos aos colaboradores, convidando-os a adotar um estilo de vida ativo e saudável e, assim, a equilibrar melhor a vida pessoal, familiar e profissional.

Com a LiveWell cada utilizador é desafiado a estabelecer um objetivo de saúde – relacionado com energia, fitness, felicidade, perda de peso ou stress –, definindo os principais interesses e os indicadores que quer medir para, de seguida, ser surpreendido com dicas e conteúdos personalizados sobre a importância da adoção de um estilo de vida saudável.

O que espera alcançar em concreto com este passo?

Queremos que os nossos colaboradores se comprometam com o seu bem-estar e que sejam mais felizes em contexto profissional e pessoal. Queremos que compreendam as áreas de saúde e bem-estar que precisam de melhorar, que estabeleçam objetivos e que conheçam os passos a dar para atingirem estes objetivos.

Cada um dos cinco objetivos é trabalhado de forma isolada, o que quer dizer que, quando alcançamos o primeiro, ainda ficamos com mais quatro para nos desafiarmos. A app LiveWell vem também reforçar o nosso compromisso com o bem-estar holístico dos colaboradores nas dimensões física, mental, social e financeira.

Em que medida se enquadra na estratégia da empresa?

Uma das nossas máximas é que “colaboradores felizes fazem clientes felizes”, ou seja, acreditamos que quanto mais positiva for a experiência que proporcionamos às nossas pessoas, mais positiva será a experiência que também proporcionamos aos nossos parceiros de negócio e clientes. Isto quer dizer que, quanto mais os nossos colaboradores estiverem bem consigo próprios, melhor desempenham as suas funções e interagem com os stakeholders externos.

A tecnologia tem sido uma grande aliada da nossa estratégia, na medida em que contribui para melhorar a #ZurichExperience dos colaboradores, dos parceiros de negócio e dos clientes. Este ecossistema de bem-estar e felicidade que assenta também na tecnologia – onde se insere a app LiveWell para colaboradores, a plataforma MyZurich para parceiros de negócio ou a app Zurich4You e o chatbot Zurimoji para clientes – está totalmente alinhado com a integração do mundo online e offline da nossa omnicanalidade.

Esta iniciativa reflete de algum modo uma mudança de posicionamento da marca?

Antes pelo contrário. A Zurich sempre foi uma empresa muito relacional e próxima e é assim que vamos continuar. Sabemos que estes são dois dos fatores que nos diferenciam interna e externamente.

A app LiveWell surge agora porque, depois de cerca de dois anos em teletrabalho devido à pandemia, adotámos um modelo de trabalho híbrido e considerámos que seria a altura ideal para reforçar a importância dos nossos colaboradores adotarem estilos de vida ativos e saudáveis. O facto de conseguirmos conciliar melhor as idas ao escritório e o trabalho a partir de casa, dá-nos alento para sermos mais equilibrados e saudáveis. A LiveWell é mais uma experiência positiva que temos para proporcionar aos colaboradores.

O setor segurador é, muitas vezes, percecionado como cinzento e conservador. De que forma atua a Zurich sobre esta perceção?

A aposta num modelo de trabalho híbrido e consequente remodelação da nossa sede em Lisboa, a experiência relacional que os clientes têm com os nossos parceiros de negócio e colaboradores ou a experiência tecnológica que proporcionamos, são alguns dos exemplos que nos tiram dessa “zona cinzenta” e mais tradicional a que o nosso setor ainda é algumas vezes associado.

Face à transformação do setor e à aceleração do mundo que todos sentimos, o setor segurador precisa, muito, de continuar a inovar e a criar novos processos, produtos e serviços e isto é claramente um desafio e uma grande oportunidade para todos os colaboradores e potenciais interessados em trabalhar connosco.

Diria até que a LiveWell também é um benefício interno diferenciador, já que somos das poucas empresas em Portugal que têm uma app própria com este objetivo tão específico.

Como é que isso é refletido na comunicação e no marketing?

Os colaboradores são sempre dos principais embaixadores da marca e, no caso da Zurich, também o são os parceiros de negócio. Quanto mais felizes e bem consigo próprias estiverem estas nossas pessoas, mais produtivos e melhores profissionais serão. Isto tem um impacto muito grande na notoriedade, credibilidade e reputação da marca que não podemos descurar. De forma indireta, reflete-se completamente em tudo o que fazemos e em tudo o que a marca representa.

Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

segunda-feira, 01 agosto 2022 14:42

bt nl

2050.Briefing

O Outdoor Honesto

À Escolha do Consumidor

Edições Especiais

Assinatura Mensal
Edição MensalE-paper

Facebriefing