Entrevistas

Os APPM Marketing Awards querem ser uma referência. A Carolina e a Sandra contam porquê

O mercado português tem espaço para mais prémios na área do marketing. A convicção é de Carolina Afonso e Sandra Alvarez, da direção da APPM (na foto, com o presidente da associação, Carlos Sá), que a justificam com o facto de os APPM Marketing Awards 2022 terem recebido 184 candidaturas. Acreditam, igualmente, que a estratégia delineada fará com que se tornem uma referência.

segunda-feira, 08 agosto 2022 12:16
Os APPM Marketing Awards querem ser uma referência. A Carolina e a Sandra contam porquê

Briefing | Comos se dá o regresso dos Marketing Awards?

Carolina Afonso e Sandra Alvarez | Os prémios de marketing da APPM surgem novamente no mercado, após terem feito uma pausa desde 2015. Aparecem agora com uma nova marca: APPM Marketing Awards e com novas categorias. A APPM, sendo a Associação Portuguesa de Profissionais de Marketing, acredita que deve impulsionar o mercado a partilhar e premiar o que de melhor se faz ao nível do marketing.

O que os diferencia dos demais prémios já existentes no mercado português?

Os APPM Marketing Awards são prémios de marketing que valorizam as várias áreas de atuação uma campanha, desde o insight e a ideia, à inovação e originalidade, à execução e ainda aos resultados obtidos, com critérios de avaliação e ponderação previamente definidos para cada uma das áreas. Mas neste caso, os APPM Marketing Awards pedem ainda às marcas e às agências uma grande capacidade de síntese e pragmatismo por forma a mostrar o sucesso da campanha em apenas 12 páginas.

Estes novos prémios são avaliados em cinco grandes áreas: Marketing, Inovação, Advertising, Media e Comunicação. Dentro da área de marketing comtemplam separadamente o marketing B2B e B2C e têm categorias como “Data driven Marketing and consumer insights”, “Retail & Shopper Marketing” e “Ecommerce” e na área de Inovação avaliam casos de “Transformação digital”, por exemplo, na tentativa de abrir o leque de partilhas a outras áreas tão importantes para as marcas nos dias de hoje.

O painel de jurados é composto por profissionais muito experientes em áreas muito diversificadas do marketing e da comunicação das marcas.

Portugal tem indústria/mercado para os vários prémios?

Sim, a APPM acredita que sim. E o mercado já nos deu essa resposta.

Terminou a semana passada a fase de candidaturas e podemos já fazer uma primeira avaliação ao sucesso e recetividade dos APPM Marketing Awards no mercado português: 184 candidaturas, superando em muito as nossas estimativas e objetivos para esta edição, lançada no dia 20 de junho de 2022.

Estes prémios da APPM são prémios de marketing e em Portugal existem apenas mais dois prémios que premeiam a eficácia das campanhas de marketing, mas fazem-no de forma diferente.

Acreditamos que existe ainda espaço para mais prémios no mercado, e que o incentivo às marcas, a partilharem o que fazem de melhor e a serem premiadas por isso, é também um incentivo à qualidade e à procura de mais e melhores soluções para as marcas.

O que pretendem premiar, acima de tudo? O que cabe no “melhor que se faz no setor do marketing em Portugal”?

Quando mencionamos que pretendemos premiar o que de melhor se faz no marketing em Portugal referimo-nos a dois aspetos. O primeiro tem a ver com a abrangência e o segundo tem a ver com o rigor. A abrangência está relacionada com as diversas áreas do marketing que estes prémios incluem e que já foram mencionadas anteriormente. E o rigor prende-se com os critérios que estamos a utilizar para avaliar as candidaturas. Valorizamos quatro critérios: ideia criativa e insights, inovação e originalidade, execução e resultados. Além disso. procurámos reunir um painel de jurados de profissionais experientes e reconhecidos no mercado e que irão utilizar as suas competências para fazer jus a estes critérios e apurar os melhores casos a concurso. Estamos confiantes de que, com estes fatores reunidos, estamos perante uma estratégia que fará com que estes prémios se tornem uma referência no mercado.

Esta iniciativa visa, de algum modo, “relançar” ou dar um novo rumo à APPM?

Esta iniciativa insere-se no programa da nova administração da APPM, que pretende manter o bom trabalho realizado nas administrações anteriores, mas também lançar novas iniciativas em várias áreas. No que aos prémios diz respeito, acaba por ser um pouco dos dois, pois estes prémios já existiram no passado e com sucesso, mas ao mesmo tempo mudámos o enquadramento. São prémios que refletem a realidade do mercado e o que é hoje o marketing nas organizações e na sociedade. Está, portanto, alinhado com a missão da APPM e faz todo o sentido afirmarmo-nos nesta área e dar o reconhecimento merecido às agências, marcas e profissionais liberais que diariamente personificam aquilo que é o marketing em Portugal.

De que modo é que a associação tem sido relevante nos últimos anos e no atual contexto que as marcas enfrentam?

A associação desde sempre tem tido um papel relevante em várias vertentes, quer na criação de conhecimento, quer na partilha do mesmo, para todos os níveis da profissão de marketer.

Tem sido sempre próxima do ensino de marketing em Portugal e neste sentido tem organizado anualmente as Marketing Marathons, eventos que decorrem nas universidades em todo o país e cujos destinatários são os estudantes, professores e comunidade de marketing. Outra das vertentes é a aposta na certificação e na qualificação dos profissionais.

A APPM disponibiliza ainda um serviço de mentoria para todos os que necessitem de apoio na área de marketing, quer seja para empresas e profissionais experientes, quer seja para quem está agora a iniciar-se no marketing.

O networking é também uma das áreas privilegiadas e a APPM marca presença como parceira dos principais eventos da área em Portugal, bem como organiza anualmente o congresso de marketing, que é um dos eventos mais concorridos e reconhecidos na área de Marketing, que tem como objetivo a partilha de experiências entre marcas e marketers mais experientes.  

Num contexto particularmente desafiante como o que vivemos na pandemia, a APPM desenvolveu também um barómetro que permitia ir acompanhando e medir o pulso à situação e disponibiliza ainda aos seus sócios um conjunto de estudos de mercado relevantes para as suas marcas e mercados.

Digamos que a APPM está “viva” e o seu papel é de relevo para as marcas, profissionais e sociedade e que é em Portugal a associação com maior notoriedade na área.

Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

segunda-feira, 08 agosto 2022 14:27

bt nl

2050.Briefing

O Outdoor Honesto

À Escolha do Consumidor

Edições Especiais

Assinatura Mensal
Edição MensalE-paper

Facebriefing