Marketing

Passe ao lado das filas dos bilhetes para o cinema

Passe à roda das filas dos bilhetes para o cinema
A Zon Lusomundo e a Vodafone uniram-se para revolucionar a compra de bilhetes de cinema, com a criação de um serviço online: o Vodafone m.Ticket. Desenvolvido e criado juntamente com a empresa portuguesa de consultoria estratégica e implementação tecnológica Sendit, o serviço permite que o utilizador escolha, compre e receba os bilhetes para o filme que deseja visionar em qualquer sítio ou momento desde que tenha internet.

quarta-feira, 11 janeiro 2012 13:01

O Vodafone m.Ticket powered by Zon Lusomundo está disponível via aplicação para smartphones Android e iPhone ou através do site móvel da m.Ticket Vodafone. Henrique Fonseca, diretor de serviços de internet móvel e conteúdo da Vodafone, adiantou, em conferência de imprensa, que a versão do novo serviço para iPad ainda não se encontra disponível mas que "nos próximos dias" já será possível compra bilhetes eletrónicos com este tipo de gadget.

A forma de funcionamento é simples: basta aceder ao serviço através do site ou da aplicação – que é gratuita-, selecionar o filme e a sessão a que se pretende assistir, mencionar o número de bilhetes que se pretende e efetuar o pagamento através do MB Phone ou por cartão de crédito. Depois de validado o pagamento, é enviado um SMS com o código único que permite o acesso à sala de cinema, no dia e hora da sessão, através de um leitor instalado na área de entrada das salas. O aparelho apenas lê uma única vez o código, o que significa que "não dá borlas", como referiu em jeito de brincadeira Luis Mota, diretor da Zon Lusomundo Cinemas.

O serviço permite que seja efetuada a compra de bilhetes até seis dias de antecedência ou "em cima da sessão", explicou aos jornalistas Henrique Fonseca. A aplicação contempla ainda os descontos habituais que se tem nas salas de cinema – exceto o do Millennium bcp -, aos quais se junta agora um outro para clientes Vodafone.

Caso depois de comprar o bilhete fique sem bateria, não se assuste: a Zon e a Vodafone pensaram em tudo e, por isso, basta dirigir-se a uma das bilheteiras, dizer o número de telemóvel e o funcionário verá no sistema quantos bilhetes e para que sessão tinha comprado.

Este serviço vem desmaterializar o tradicional bilhete, permitido "uma experiência de utilização simples e inovadora" que permite o envio de bilhetes por SMS para familiares ou amigos. O Vodafone m.Ticket poupa o tempo do cliente, passando "à frente das filas de bilhetes", uma vez que não precisa de trocar o código por algo físico. Caso o cliente deseje fatura, basta mencioná-lo aquando da compra do bilhete, podendo recebê-la por email ou em formato físico nas bilheteiras.

Atualmente existem mais de 30 aparelhos que servem mais de 200 salas da Zon Lusomundo. No geral, existe um leitor de códigos por cinema mas Luis Mota espera que, em breve, esse número aumente.

A Zon espera vender cerca de 20 por cento dos seus bilhetes de cinemas através desta tecnologia, o que corresponde a cerca de um 1 milhão e 700 mil entradas.

Para dar a conhecer ao público as vantagens do Vodafone m.Ticket powered by Zon Lusomundo, vai avançar uma campanha multimeios com presença na imprensa, rádio, cinema e mobile advertising.

 



Catarina Caldeira Baguinho

Fonte: Briefing

bt nl

À Escolha do Consumidor

Assinatura Mensal
Edição MensalE-paper

Facebriefing

Melhores Briefing