Marketing

As 50 marcas que mais cresceram

As 50 marcas que mais cresceram

Marcas de grande consumo como a Coca-Cola e a Dove, tecnológicas como a Apple e a Google e de luxo como a Hermès e a Louis Vuitton encontram-se entre as 50 que mais cresceram nos últimos dez anos e que, em simultâneo, construíram as relações mais profundas com os clientes. O levantamento foi feito pela Millward Brown e por Jim Stengel, antigo global marketing officer da Procter & Gamble, e constitui o eixo da obra "GROW: How ideals power growth and profit at the world's greatest companies".

quarta-feira, 18 janeiro 2012 11:32

O estudo, que envolveu 50 mil marcas em 30 países, identificou uma relação de causa e efeito entre a capacidade de uma marca servir valores humanos e o seu desempenho financeiro. E conclui que, nos últimos dez anos, o investimento nas 50 que mais cresceram, designadas como Stengel 50, teria sido mais 400 por cento mais rentável do que o investimento nas empresas do índice S&P 500.

A equipa da Millward Brown procurou aprofundar as razões do sucesso das marcas Stengel 50, tendo chegado à conclusão de que existe, pelo menos, uma caraterística comum entre aquelas empresas, independentemente da dimensão ou do mercado em que se insere: um ideal de vida melhor. Há empresas mais explícitas do que outras, mas o brand ideal está sempre presente, traduzindo-se num benefícios de padrão elevado que a marca se propõe oferecer ao mundo. Estes ideais funcionam como fonte de inspiração para clientes e consumidores, mas também como uma orientação para os processos de decisão interna, constituindo um forte motor de crescimento.

As 50 marcas que mais cresceram nos últimos dez anos são as seguintes, por ordem alfabética:

Accenture – consultoria
Airtel – comunicações móveis
Amazon.com - e-commerce
Apple – tecnologia
Aquarel – água engarrafada
BlackBerry – comunicações móveis
Calvin Klein – alta-costura
Chipotle - fast food
Coca-Cola - refrigerantes
Diesel – moda jovem e acessórios
Discovery Communications - media
Dove – higiene pessoal
Emirates – viagens aéreas
FedEx – serviço expresso
Google - Internet
Heineken - cervejas
Hennessy – bebidas espirituosas
Hermès – vestuário de luxo
HP - tecnologia
Hugo Boss – vestuário de luxo
IBM - tecnologia
Innocent – alimentos e bebidas
Jack Daniel's – bebidas espirituosas
Johnnie Walker – bebidas espirituosas
Lindt - chocolates
L'Occitane – cuidados pessoais
Louis Vuitton – vestuário de luxo
MasterCard – pagamentos eletrónicos
Mercedes-Benz - automóveis
Method – limpeza doméstica
Moët & Chandon - champanhe
Natura – higiene pessoal
Pampers - puericultura
Petrobras - energia
Rakuten Ichiba - e-commerce
Red Bull – bebidas energéticas
Royal Canin – alimentos para animais
Samsung - eletrónica
Sedmoy Kontinent – retalho alimentar
Sensodyne – higiene oral
Seventh Generation – limpeza doméstica
Snow - cervejas
Starbucks - restauração
Stonyfield Farm – produtos lácteos orgânicos
Tsingtao - cervejas
Vente-Privee.com - e-commerce
Visa – pagamentos eletrónicos
Wegmans – retalho alimentar
Zappos - e-commerce
Zara – moda

Fonte: Hill + Knowlton

bt nl

Liga-te com o Coração

À Escolha do Consumidor

Edições Especiais

Assinatura Mensal
Edição MensalE-paper

Facebriefing

Melhores Briefing