Marketing

Valeu a pena esperar pelo novo leão

Peças de automóveis penduradas no Terreiro do Paço? Juntar a arte e um carro numa instalação? Jogo de sombras e luz? Estas foram algumas das ideias que a Havas Worldwide Portugal desenvolveu para a Peugeot, a marca que tem um leão como símbolo. O objetivo foi promover um novo modelo, o 308, lançado no dia 19 de outubro.

terça-feira, 22 outubro 2013 13:02
Valeu a pena esperar pelo novo leão

O desafio foi claro: uma ação de ativação de marca que causasse impacto junto do público, que gerasse interação, emoção e criasse expectativa e entusiasmo sobre o novo modelo. A partir daqui a equipa da Havas Lisboa partiu rumo ao desconhecido mas já com conceitos claros na cabeça. Os "pais criativos" do trabalho foram João Ruas e Ricardo Silva.

"Queríamos tirar partido das redes sociais, como forma de divulgação da ação, pelo que a história que tinha de ser criada e contada, tinha de ter a capacidade de despertar o interesse e a curiosidade para quem não pudesse presenciar a ação ao vivo", conta ao Briefing Sérgio Resende, responsável pela comunicação externa da Havas Worldwide Portugal.

O desenvolvimento da ideia começou pela desconstrução do produto em si, o automóvel, relembra o mesmo responsável. Sendo uma ação de promoção para algo que viria a ser lançado mais tarde a ideia seria não revelar o modelo na sua totalidade. Foi então que se chegou ao conceito de sombra "e daí criar uma instalação artística que permitisse essa visualização. Juntando a arte e o automóvel, estaríamos a responder ao posicionamento de design, e modernidade no novo modelo", diz Sérgio Resende.

Para integrar este conceito na ação de comunicação que tinha como título "Vale a pena esperar" foi encontrada uma solução que passou por colocar as sombras em movimento. "Com o movimento da luz, a junção das sombras formariam a forma perfeita do novo modelo. Et voila! valeria a pena esperar para ver o resultado daquelas sombras e o efeito da instalação", afirma.

O resultado final foi visto no dia 7 de outubro, no Terreiro do Paço, em Lisboa, através da montagem de uma instalação artística, feita com peças de automóvel, supervisionada pela artista plástica catalã Montserrat Romero.

Sérgio Resende refere que a divisão de ativação de marcas da Havas em Portugal tem "estado bastante ativa na construção de projetos integrados de comunicação para todos os clientes da agência".

Há alguns em fase de pré-produção para ser levados para a rua na época de Natal, estando igualmente já a trabalhar para o "verão quente que se avizinha de 2014, com os Festivais de música, Campeonato do Mundo de Futebol e a final da Champions em Lisboa", diz.

Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

Vídeo

bt nl

2050.Briefing

O Outdoor Honesto

À Escolha do Consumidor

Edições Especiais

Assinatura Mensal
Edição MensalE-paper

Facebriefing