×

Alerta

JUser: :_load: Não foi possível carregar o utilizador com o ID: 87
Marketing

YouTube, a nova “arma” da Garnier

A Garnier decidiu apostar no YouTube como forma de reforçar a eficiência das campanhas de televisão. A decisão surge depois de um estudo do Google/YouTube, MillwardBrown e ZenithOptimedia sobre produtos Garnier, que conclui que esta plataforma maximiza o alcance e otimiza a frequência dos utilizadores, a um custo reduzido.

sexta-feira, 13 dezembro 2013 12:15
YouTube, a nova “arma” da Garnier

De acordo com o estudo, o YouTube atinge aqueles que estão menos expostos à televisão. Construindo uma frequência mais consistente em todos os públicos-alvo, enquanto a tv atinge principalmente consumidores frequentes ou muito frequentes deste meio, o YouTube atinge todos os espectadores, oferecendo uma frequência consistente e constante da sua exposição.

No estudo é referido que cada plataforma traz diferentes benefícios para a marca. A TV é mais eficaz na criação de awareness, enquanto o YouTube provou ser mais eficaz no aumento do engagement/compromisso com as marcas.

Concluiu-se ainda que as campanhas de televisão combinadas com o YouTube são mais eficientes: a L'Oréal/Garnier poderia ter poupado 46 por cento do orçamento para atingir o alcance de 78 por cento obtido com a campanha de TV, incluindo simplesmente o YouTube no plano.

Este trabalho teve como objetivo compreender o alcance incremental que o YouTube oferece para além da televisão, com apenas 20 por cento do orçamento.

O estudo envolveu 1.400 consumidoras em Portugal, entre os 16 e 34 anos de idade, inquiridas em agosto passado. Todas as consumidoras envolvidas no estudo estiveram potencialmente expostas à campanha da Garnier a partir de vários canais, com os dados semanais a serem observados durante todo o período da campanha e também um pouco depois, de modo a avaliar qualquer deterioração em termos de impacto que pudesse ocorrer após o final dessa mesma campanha.

Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar. 

bt nl

À Escolha do Consumidor

Assinatura Mensal
Edição MensalE-paper

Facebriefing

Melhores Briefing