Marketing

Nascida para liderar

É esta a ambição da NOS, a marca que resulta da consolidação da ZON e da Optimus e que foi apresentada publicamente esta sexta-feira perante uma plateia de seis mil pessoas, sobretudo colaboradores. Uma ambição traçada pelo CEO, Miguel Almeida, que frisou que a prioridade das prioridades é o mercado português.

sexta, 16 maio 2014 20:28
Nascida para liderar

"Hoje nasce um novo operador. Uma marca para o futuro. Uma empresa portuguesa que aposta no mercado português", anunciou.

Sem revelar o investimento feito na nova marca, Miguel Almeida disse que constitui apenas uma pequena parcela do que a empresa tem para investir nos próximos cinco anos – mais de mil milhões de euros. "O investimento na marca começa hoje. Não tomaríamos esta decisão se não acreditássemos que o custo será mais do que compensado pelos benefícios", afirmou.

A marca é a alavanca para a ambição da NOS de conquista de 30% do mercado. Foi construída em cima do legado das marcas que lhe dão origem tendo como prioridade a experiência do cliente. Daí o NOS, explicou Miguel Almeida: simboliza a proximidade com os clientes e com o mercado português.

O CEO da NOS acredita que a nova marca terá leitura noutras geografias que não apenas a lusófona e, muito embora a empresa detenha participações em operadores angolanos e moçambicanos, a internacionalização é a segunda prioridade.

Quanto à imagem, é compatível com a aspiração da marca – traduz, nas palavras de Miguel Almeida, de uma forma muito clara a atitude de liderança, é facilmente associada a todos os serviços e a todos os segmentos de mercado e capaz de gerar um momento positivo compatível com os desafios que o país enfrenta atualmente.

A partir desta sexta-feira, todos os pontos de venda passam a ser NOS, os cinemas que eram ZON Lusomundo também. E o mesmo acontecerá aos festivais – o Primavera Sound, no Porto, e o Alive, em Lisboa. Continuam a ser promovidos com o naming Optimus, mas no terreno já serão NOS, o primeiro em junho e o segundo em julho.

Sobre o impacto da nova marca na concorrência, o CEO limitou-se a reafirmar que a NOS possui uma atitude de liderança: "Estabelecemos o caminho". Haverá novidades nos próximos meses, mas Miguel Almeida não as revelou com o argumento de que o mercado é muito competitivo.

Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

bt nl

Assinatura Mensal
Edição MensalE-paper

Facebriefing

Melhores Briefing