Marketing

Marketing que conecta? A TNS revela 8 tendências

O crescimento da tecnologia digital tem impulsionado mudanças nas atitudes e hábitos, que se têm tornado mais consistentes e previsíveis à medida que esta se torna mais familiar. Quem o diz é a TNS, que, a partir do estudo Connected Life, identifica oito tendências no comportamento do consumidor.

segunda, 18 abril 2016 11:40
Marketing que conecta? A TNS revela 8 tendências

Segundo a TNS, as tecnologias que definem os parâmetros para o consumidor conectado já não são novas. "O iPhone da Apple já completou oito anos, o Facebook e o Twitter estão no domínio público há quase uma década, e o Linkedin e o Google ainda há mais tempo", aponta a TNS, em comunicado. Por isso, afirma, as tendências no comportamento das pessoas têm-se tornado mais consistentes e previsíveis.

De acordo com o estudo, os consumidores estão constantemente conectados através de tecnologia digital – "e isto cria oportunidades para os marketeers identificarem os melhores momentos digitais, que melhor se adequam às suas marcas".

A segunda tendência diz respeito à fragmentação social, sendo que "a melhor oportunidade das marcas reside em adaptar a sua abordagem a cada canal". Segundo os dados, em média, os jovens entre os 16 e 24 anos usam pelo menos três plataformas sociais por dia.

Em terceiro, o estudo revela que as marcas devem desenvolver conteúdos estratégicos adaptáveis, que proporcionem a melhor experiência possível em todos os ecrãs. Isto porque, 67% dos espectadores no mundo, em horário nobre, utilizam múltiplos ecrãs enquanto veem TV.

A quarta tendência aponta para um maior consumo de vídeo, embora não na TV tradicional – "nos canais tradicionais de televisão as visualizações baixaram 12% nos EUA".

De acordo com os dados, 47% dos indivíduos entre os 16 e 24 anos, em todo o mundo, gostam da ideia de ter publicidade personalizada. "Os consumidores estão cada vez mais confortáveis em partilhar informação com as marcas desde que ganhem em troca: relevância ou outras formas de valor".

A sexta tendência aponta para uma consolidação das aplicações, uma vez, em média, as pessoas usam 12 apps por dia.

"Converter vendas a qualquer hora, em qualquer lugar" é a sétima tendência apontada pelo estudo Connected Life, que conclui que 35% do tempo dependido a fazer compras online é feito através de telemóvel.

Por fim, a oitava tendência revela uma "apetência para a disrupção." "Os consumidores aceitam novos tipos de fornecedores, canais e métodos de pagamento, e estão abertos a novas formas de fazer as coisas, se forem ao encontro das suas necessidades".

Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

 

bt nl

Assinatura Mensal
Edição MensalE-paper

Facebriefing

Melhores Briefing