Marketing

O que procura a SEAT no surf? Chegar aos jovens de espírito

Foi há dez anos que o marketing da SEAT apanhou as primeiras ondas. Mas, “muito mais do que os números”, a marca vê na associação ao surf uma “ótima oportunidade para reforçar a visibilidade e reputação”. São palavras da diretora de Marketing & Comunicação em Portugal, Teresa Lameiras, a propósito do retorno que advém dos patrocínios a esta modalidade desportiva.

quinta, 22 agosto 2019 12:43
O que procura a SEAT no surf? Chegar aos jovens de espírito

 

São eventos que – acrescenta – permitem reforçar a ligação ao desporto nacional, apostar na promoção dos jovens talentos e estar mais próxima do seu target. Sobre a identificação deste território de ativação, diz a marketeer que se prende com o ADN da marca, que incorpora um espírito de movimento, dinamismo e aventura: “Queremos, por isso, alcançar pessoas que partilham este tipo de vivência, procurando impactar pessoas jovens de espírito e não apenas jovens em idade.  A marca está muito focada em disponibilizar soluções fáceis e mobilidade a todas as pessoas, independentemente da idade, para que possam viver a vida ao máximo. É a este tipo de targets que queremos chegar com a ligação ao surf.” “Desde cedo que a SEAT Portugal viu no surf uma oportunidade de se aproximar do seu target. Queremos continuar a afirmar-nos como uma marca que tem um espírito jovem e que apela à alegria de viver. A simbiose com os terrenos do desporto é perfeita e natural, pelo que continuaremos a potenciar esta ligação ao surf a nível nacional, dado o seu cariz transversal”, enfatiza, sem, porém, revelar o peso que esta estratégia tem no orçamento de marketing ou o valor dos patrocínios.


É uma estratégia que remonta a 2009, com o patrocínio ao Rip Curl Pro Search, reputado como um dos maiores eventos de surf do mundo e a única etapa móvel do circuito mundial do ASP World Tour. Também há cerca de dez anos que a marca “surfa” nos Açores, emprestando o nome à SEAT Surf Trip nos Açores, no âmbito do patrocínio ao Azores Airlines World Masters Championships. Mais recente é o NOVA Surf Contest, uma iniciativa no contexto da NOVA SBE e com o apoio da Câmara Municipal de Cascais, cuja terceira edição aconteceu este ano já no Campus de Carcavelos da faculdade. São eventos em que a marca está presente com a exposição de modelos, bem como test drives dos mesmos, a par de “um conjunto rico e variado de ações que potenciam as boas energias e surpreendem os participantes pelo valor acrescentado”.

O dossier sobre “marcas e surf” pode ser lido na edição impressa da Briefing.

Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

 

bt nl

Assinatura Mensal
Edição MensalE-paper

Facebriefing

Melhores Briefing