Marketing

O surf é MEO? A marca garante que sim e que é para crescer

Um dos principais impulsionadores do surf nacional. Este é um título que o MEO reclama, justificando com o facto de apoiar a modalidade desde 1997. Um apoio que coloca a marca no pódio internacional, na medida em que dá o nome à 10.ª etapa do circuito mundial, que, por estes dias de outubro, toma conta das ondas da praia de Supertubos, em Peniche. É um compromisso – garante – que veio para ficar. E para crescer.

quinta, 17 outubro 2019 12:41
O surf é MEO? A marca garante que sim e que é para crescer

 

Desde 1997, “nunca mais parámos”, comenta fonte da marca da Altice Portugal, concretizando: “Primeiro com a PT Comunicações, depois com a TMN, que teve um papel muito importante ao apoiar eventos nacionais e, fundamentalmente, ao apoiar a vinda do Circuito Mundial de Surf em 2009 com o Rip Curl Search. Depois, com a criação do MEO, revitalizámos o circuito nacional dando-lhe uma nova dinâmica, visibilidade e onde procuramos colocar os atletas na ‘boca do mundo’”. E sublinha ainda: “Somos uma das empresas que mais contribui para o crescimento do surf no país, promovendo o que é nacional, promovendo Portugal através do apoio aos eventos competitivos, mas também através do apoio e acompanhamento dos atletas desde cedo”. Este histórico leva o MEO a afirmar-se, “com legitimidade”, como uma marca do surf e como “a marca de fora do surf mais relacionada com este desporto”.

Esta é uma estratégia nacional, na medida em que também o MEO – embora detido atualmente por uma multinacional – é uma marca nacional: “A aposta neste desporto faz parte de uma estratégia global de comunicação e conteúdos das marcas da Altice Portugal. Queremos continuar a assegurar que o nosso compromisso com a modalidade se mantém firme. Queremos continuar a potenciar o seu crescimento”, reforça a mesma fonte. É, pois, um dos eixos estratégicos do marketing, mas também da empresa, na medida em que representa um “investimento considerável” também nas áreas de engenharia e desenvolvimento de produto, que “permite disponibilizar um sem número de conteúdos que, de outra forma, seria difícil alcançarem o consumidor”.

Atualmente, patrocina vários eventos nacionais e internacionais, com destaque para a Liga MEO Surf, circuito que define os campeões nacionais masculino e feminino, e para o MEO Rip Curl Pro Portugal, a 10.ª etapa do circuito mundial de surf. No caso da liga, a associação da Altice manifesta-se também ao nível da tecnologia, este ano com a novidade de uma app TV interativa, que transmite em direto todas as etapas, e ao nível da responsabilidade social com ações de limpeza de praias.

Acresce o apoio a atletas, em que sobressaem Tiago “Saca” Pires, patrocinado ao longo da sua carreira no World Tour, e Frederico “Kikas” Morais, patrocinado desde 2007. Este atleta é, aliás, o mentor da MEO H-Team, uma equipa com “um claro sentido de missão de humanizar a sociedade através do surf” e que se propõe “realçar o valor humano de uma modalidade que é praticada por pessoas de todo o mundo e que levam consigo a crença de fazer mais e fazer melhor”. O que está em causa são valores, diz a marca. E justifica: “O surf é muito mais do que uma modalidade, representa um estilo de vida e tem valores intrínsecos muito próprios que queremos que estejam também associados à nossa marca. O surf molda os jovens, transmitindo-lhes valores como a resiliência, o respeito pelo mar e pela vida marítima, assim como pelo meio ambiente. Promove hábitos de vida saudáveis, forma exemplos para a sociedade e ainda é um elemento essencial para a melhoria da qualidade de vida e respeito pelo ambiente. É neste sentido que a Altice Portugal acredita nestes valores.”

Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

 

bt nl

Assinatura Mensal
Edição MensalE-paper

Facebriefing

Melhores Briefing