Marketing

Na Nespresso, "Reciclar é Alimentar"

O “Reciclar é Alimentar”, projeto solidário e sustentável da Nespresso e do Banco Alimentar, celebra 10 anos. Ao longo do tempo, foram entregues 12 milhões de refeições e 600 toneladas de arroz, que foi cultivado em campos fertilizados pelas borras de café aproveitadas.

sexta, 10 janeiro 2020 10:45
Na Nespresso, "Reciclar é Alimentar"

Só em 2019, foram entregues 100 toneladas de arroz às 2.400 instituições apoiadas pelo Banco Alimentar.

“Este projeto é um exemplo de responsabilidade social que nos deve inspirar a todos e motivar outros parceiros a dedicarem-se mais ao próximo. No Banco Alimentar, acreditamos que ser sustentável é pensar no ambiente, mas também na melhoria de vida das pessoas, em especial de quem mais precisa”, destaca a presidente da Federação Portuguesa de Bancos Alimentares Contra a Fome, Isabel Jonet.

“Reciclar é Alimentar” aproveitas as cápsulas de café usadas, de onde é retirada a borra do café, que, posteriormente, é transformada em fertilizante para terrenos de cultivo de arroz, na Herdade Monte das Figueiras, em Santa Margarida do Sado. O arroz produzido ali é comprado pela Nespresso e doado ao Banco Alimentar. Por sua vez, o alumínio é transformado em novos objetos, como canetas, máquinas fotográficas, canivetes ou bicicletas.

“Pretendemos contribuir para o crescimento da economia circular. Sendo a borra do café um resíduo com propriedades fertilizantes e o alumínio, um material infinitamente reciclável, estamos a garantir que as suas vidas úteis não acabam numa chávena de café”, refere a Market Director da Nespresso Portugal, Anna Lenz.

Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

bt nl

Assinatura Mensal
Edição MensalE-paper

Facebriefing

Melhores Briefing