Marketing

Prémios à Eficácia. Ser partner é a questão do Lourenço

Anunciantes e agências têm de ser partners na construção da eficácia? Foi o que a Briefing perguntou a Lourenço Thomaz no âmbito da ronda pelos jurados dos XVI Prémios à Eficácia. Ou não fosse ele fundador da… Partners. A resposta? Leia nos próximos parágrafos.

quarta-feira, 11 novembro 2020 12:17
Prémios à Eficácia. Ser partner é a questão do Lourenço

 

Anunciantes e agências têm de ser partners em tudo e não só na eficácia.

Se anunciantes e agências forem partners nos briefings, nos de-briefings, na estratégia, na criatividade e na materialização, de certeza que também o serão nos excelentes resultados que terão.

Temos de acabar de uma vez por todas com o pensar que o anunciante faz tudo sozinho, ou que a agência faz tudo sozinha, isso já não existe! Aliás, nunca existiu!

Eu não conheço uma excelente campanha em que o anunciante não tenha intervido, não tenha aprovado, não tenha acrescentado, não tenha participado e não tenha sido partner da agência. E vice-versa.

Uma agência de publicidade não é atelier de artistas que faz o que quer, que faz só porque é bonito, só porque tem pinta. Como é lógico, este nosso negócio tem objetivos em determinados resultados (sejam eles de que tipo forem) e as campanhas são planeadas e executadas para corresponderem a essa eficácia dos resultados.

Uns não vivem sem os outros.”

A gala de anúncios dos vencedores de 2020 acontece dia 19, este ano num formato diferente do habitual evento na Reitoria da Universidade Nova de Lisboa.

Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

bt nl

À Escolha do Consumidor

Assinatura Mensal
Edição MensalE-paper

Facebriefing

Melhores Briefing