Marketing

A Saint Pirate Know To Go

A Saint Pirate criou a identidade de marca da Know To Go. Além do nome e identidade, assegurou a estratégia de posicionamento/lançamento, o conceito verbal, a estratégia de redes sociais e a comunicação on e offline. Também concebeu o website da nova agência de viagens, em parceria com a Major.

segunda-feira, 21 novembro 2022 16:25
A Saint Pirate Know To Go

A par de criar a marca do zero, a Saint Pirate fica responsável pelos conteúdos das redes sociais da Know To Go, dando seguimento ao trabalho prévio de estratégia digital onde definia linhas editoriais anuais e identidade gráfica dos diferentes posts de notoriedade, experimentação e conversão.

Segundo a Saint Pirate, “a criação do nome Know To Go e toda proposta de posicionamento surgiu de um precioso insight da pesquisa: ‘quando não sabemos para onde ir, qualquer caminho é bom’”, sugerindo que a proposta da agência de viagens fundada por Paulo Ribeiro é “exatamente o oposto”. “Conhecimento profundo no universo do turismo aliado a um serviço de excelência de perfil Tailor Made que é tangível numa metodologia de trabalho proprietária que também surgiu deste trabalho de consultoria estratégica de seu nome ‘full contact’”, afirma o CEO da Saint Pirate, Miguel Bacelar.

Já o CEO da Know To Go, Paulo Ribeiro, olha para este trabalho de cocriação da nova marca como um enorme desafio. "É nossa convicção que em Portugal faz falta um tailor made de viagens diferenciado, para destinos próximos e longínquos. Lançar e posicionar uma start-up neste segmento exige estudo, reflexão e discussão de ideias disruptivas. A Saint Pirate foi a escolha natural pelo percurso e criatividade do Miguel Bacelar e da sua equipa. Estamos muito entusiasmados com o trabalho realizado e com o percurso que estamos agora a iniciar”, realça.

Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

bt nl

2050.Briefing

O Outdoor Honesto

À Escolha do Consumidor

Edições Especiais

Assinatura Mensal
Edição MensalE-paper

Facebriefing