Media

TDT vai penalizar audiências das televisões generalistas

tdt thumb200_

A Televisão Digital Terrestre (TDT) vai provocar uma diminuição mais rápida do que se pensava das audiências dos quatro canais generalistas, afirma Manuel Falcão, diretor-geral da Nova Expressão.

sábado, 04 fevereiro 2012 00:25

 

Num post publicado no blogue Lugares Comuns e intitulado "O Apagão", Manuel Falcão explica que até ao fim dos mês de fevereiro grande parte da população portuguesa ficará sem o tradicional sinal hertziano de televisão. No final desse processo "vai ser interessante analisar o aumento de clientes nos fornecedores de televisão por assinatura, nomeadamente o MEO e a ZON".

É que, em muitas regiões, "estão a registar-se novas adesões a estes operadores a um ritmo invulgar – o que se explica por ofertas promocionais de baixo custo e que, essas sim, proporcionam uma diversidade e variedade que a TDT devia oferecer e não oferece". Ou seja, para além das quatro televisões generalistas (RTP1, RTP2, SIC e TVI) os subscritores terão acesso a um pacote que inclui oito canais nacionais e "uma série de outros canais programados para Portugal".

"Ora isto quer dizer que centenas de milhar de pessoas passam rapidamente de uma escolha entre quatro canais para uma escolha para pelo menos meia centena de programas diferentes, apenas por decidirem aderir à TV por subscrição em vez de usarem a TDT", afirma.

Segundo as previsões de Manuel Falcão, quando "o processo estiver estabilizado e o novo sistema de medição de audiências estiver a funcionar (se conseguir funcionar, mas isso é outra história...) teremos, no universo dos utilizadores de TV por subscrição, o canal líder nos 20% de audiência e a RTP por volta dos 15%. É um mundo novo, que há-de ter consequências..."

Fonte: Lugares Comuns

segunda-feira, 06 fevereiro 2012 17:03

bt nl

2050.Briefing

O Outdoor Honesto

À Escolha do Consumidor

Edições Especiais

Assinatura Mensal
Edição MensalE-paper

Facebriefing