Media

Gabinete do PM britânico quer dar exclusivos através do Twitter

Gabinete do PM britânico quer dar exclusivos através do Twitter

O gabinete do primeiro-ministro britânico David Cameron quer usar o Twitter para dar notícias exclusivas a jornalistas mesmo antes de serem anunciadas pelos próprios ministros, noticia o The Guardian.

segunda-feira, 29 abril 2013 12:51

Segundo o jornal, o Twitter vai também ser usado para evitar o "contágio" de notícias que não são favoráveis ao governo e antes que elas ganhem relevância. O objetivo dos exclusivos é cair nas "boas graças" dos jornalistas, que estão muitas vezes sob pressão para dar as notícias primeiros do que a concorrência.

Mas o The Guardian refere que esta solução pode também irritar aqueles jornalistas que acreditam que as notícias sobre o Governo devem ser dadas no Parlamento.

A nova estratégia de Downing Street, o gabinete oficial do primeiro-ministro britânico, está a ser liderada por Craig Oliver, o diretor de comunicação de Cameron, que, quando assumiu o cargo, em janeiro de 2011, insistiu em ter no seu gabinete um monitor com o Twitter.

O jornal, citando colegas de Craig, diz que este compara as redes sociais ao fogo: uma "arma" útil nas mãos certas, mas terrivelmente destruidora quando é mal usada.

Fonte: The Guardian

bt nl

Liga-te com o Coração

À Escolha do Consumidor

Edições Especiais

Assinatura Mensal
Edição MensalE-paper

Facebriefing

Melhores Briefing