Media

NewsMuseum: Celebrar a liberdade de imprensa numa inauguração a 25 de abril

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, considerou que o NewsMuseum, de que foi o primeiro visitante, pouco passava da meia noite, celebra duas vitórias do 25 de abril: a liberdade de imprensa e o poder local. Foi secundando nesta opinião pelo primeiro-ministro, António Costa, que destacou o facto de ele próprio ser filho de jornalista.

segunda-feira, 25 abril 2016 12:08
NewsMuseum: Celebrar a liberdade de imprensa numa inauguração a 25 de abril


A inauguração aconteceu precisamente no virar do calendário de 24 para 25 de abril, com a entrada do Presidente no museu a ser antecedida pelo cantar daquela que foi a segunda senha da revolução, "Grândola Vila Morena".

Antes disso, o presidente da Câmara de Sintra, Basílio Horta, foi anfitrião de um jantar que reuniu, no Palácio da Vila, o Presidente da República, o primeiro-ministro e o presidente do PSD, Pedro Passos Coelho, bem como o mentor do NewsMuseum, Luís Paixão Martins.

E foram precisamente de Luís Paixão Martins as primeiras palavras já depois de franqueadas as portas do museu. Depois de enquadrar o convite a Marcelo Rebelo de Sousa, como "comandante das forças mediáticas portuguesas", explicou que este é um projeto de iniciativa privada mas com algum apoio do Estado, traduzido na disponibilização de conteúdos pela RTP, sem cujo arquivo o museu não seria possível no formato atual. Neste âmbito, deixou uma palavra ao primeiro-ministro por ter decidido juntar a Cultura e a Comunicação Social na mesma pasta governativa.

No que respeita à câmara de Sintra, a relação "não tem uma especial componente financeira", dado que a associação gestora do museu alugou o espaço que estava devoluto – ali funcionou outro museu, mas do brinquedo –, tendo assumido todo o investimento inerente ao projeto. É mais "uma relação de afetos".

Luís Paixão Martins reiterou que, mais do que privada, esta é uma iniciativa pessoal e familiar e deixou uma palavra de agradecimento a todos quantos colaboraram, a começar por João Paixão, também administrador da associação Acta Diurna, a Rodrigo Moita de Deus, diretor do museu, às equipas da LPM e a todas as pessoas que colaboraram, pro bono, na edificação do NewsMuseum.

Já na visita, o Presidente da República destacou que o museu é um triunfo do 25 de Abril e do Portugal de hoje: "Falta cumprir muita coisa, mas também já cumprimos muita coisa. O facto de estarmos aqui, neste museu, é uma prova de que nós, portugueses, somos excecionais". Marcelo Rebelo de Sousa elogiou ainda o facto de ser um museu vivo, em que se pode tocar  e perguntar, com um pé na História e outro na contemporaneidade. Na sua opinião, trata-se de um projeto muito completo, que "ultrapassa todas as expectativas", um museu de "qualidade excecional, em termos europeus e mesmo mundiais".

Por sua vez, o primeiro-ministro sublinhou a importância de um espaço que celebra a liberdade de expressão: "Uma das grandes vitórias da democracia foi a sua capacidade de reconciliação e, como filho de alguém que era jornalista a 24 de abril, acho que é particularmente importante celebrarmos este 25 de abril com este museu dedicado à liberdade de expressão, à liberdade de comunicação, porque essa é também uma das grandes conquistas do 25 de abril".


Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

 

terça-feira, 26 abril 2016 14:07

bt nl

À Escolha do Consumidor

Assinatura Mensal
Edição MensalE-paper

Facebriefing

Melhores Briefing