Media

Balsemão sobre a RTP: "o monstro quer continuar a crescer”

Balsemão afirma que a RTP é “um monstro”
O presidente da Impresa, dona da SIC, afirmou que a RTP é "um monstro" que não cumpre o serviço público e defendeu que devia haver apenas um canal digital para programas de alta qualidade e outro dedicado a todos os desportos.
domingo, 29 novembro -0001 23:23
As declarações foram feitas ontem durante a conferência "Televisão Pública e Televisão Comercial: o que as distingue, o que as deve distinguir?", organizada pela Entidade Reguladora para a Comunicação Social (ERC).

O modelo, originalmente apresentado pelo quadro da BBC e autor da série "Sim, senhor ministro), Sir Antony Jay, é o que Francisco Pinto Balsemão defende dever ser o adoptado em Portugal."Defendo que o serviço público deva contemplar um canal digital sem publicidade para programas de alta qualidade e outro canal dedicado a todos os desportos e não só ao futebol", afirmou.

Segundo o responsável da SIC, a RTP não cumpre o seu papel de serviço público e faz concorrência desleal às televisões privadas.

"Teoricamente, a programação [da RTP] devia constituir um factor de diferenciação" entre as televisões pública e privadas, mas "as diferenças são mínimas", criticou.

Por isso, e porque o Estado continua a injectar capital na empresa, apesar de a RTP receber indemnização compensatória, taxa contribuição para o audiovisual e receitas publicitárias, Pinto Balsemão considera que a estação pública se transformou num "monstro".

"E o monstro dá sinais de querer continuar a crescer", disse, exemplificando que o facto de a RTPN ter sido criada para dar informação dedicada ao Norte do país, mas ter-se transformado "num canal de notícias generalistas sem acrescentar nada à informação regional".

Balsemão criticou ainda a Entidade Regulador para a Comunicação Social (ERC) por não impor sanções à RTP mesmo quando "dá conta de 98 infracções [relativas aos limites de publicidade] só em 2008".

Fonte: Lusa

bt nl

O Outdoor Honesto

À Escolha do Consumidor

Edições Especiais

Assinatura Mensal
Edição MensalE-paper

Facebriefing