Media

As peças de TV estiveram (mais) com Covid-19

O número de notícias sobre saúde quase quintuplicou nos principais canais portugueses, entre 2019 e 2020, crescendo de 11.016 para 51.875. De acordo com o Clipping MediaMonitor, do grupo Marktest, as notícias e reportagens sobre a pandemia de Covid-19 ocuparam mais de 97% do noticiário televisivo, o que corresponde a 50.345 peças.

segunda-feira, 14 fevereiro 2022 12:25
As peças de TV estiveram (mais) com Covid-19

Em 2020, foram emitidas, nos principais noticiários de TV, mais de 1.900 horas de notícias sobre a Covid-19, tendo esse volume recuado para cerca de 1.400 horas em 2021. Neste último ano, o noticiário sobre saúde recuou para um universo de 40.447 peças identificadas pelo Clipping Mediamonitor, mas o peso da Covid-19 neste volume aumentou ligeiramente, com as 39.651 notícias relacionadas com a pandemia a representarem 98% do total de peças sobre temas de saúde.   

Em 2019, por exemplo, os temas de saúde representavam cerca de 12% do espaço total de notícias emitidas pelos principais canais televisivos, atrás de temas como desporto (16,7%), política (24,9%) ou segurança (25%). Em 2020 e 2021, esse cenário inverteu-se. Em 2020, por exemplo, o espaço dedicado a temas de saúde passou para 39%, superando assim o tempo dedicado a segurança (22%), política (18,8%) e desporto (13%).

Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.  

bt nl

2050.Briefing

O Outdoor Honesto

À Escolha do Consumidor

Edições Especiais

Assinatura Mensal
Edição MensalE-paper

Facebriefing