A DIG-IN deu “a papinha toda feita” do rebranding à Briefing

Em Portugal desde 2014, a Zomato decidiu abrir “um novo capítulo na trajetória de crescimento de uma startup 100% portuguesa” com um rebranding, cuja criatividade é da KISS. Falámos com a Head of PR & Marketing da marca, Mariana Boavida, que nos explicou a nova DIG-IN.

A DIG-IN deu-nos a papinha toda feita sobre o rebranding

Briefing | De que forma é que o rebranding se enquadra na estratégia de Marketing?

Mariana Boavida | Numa ação estratégica de rebranding, a aplicação líder de descoberta de restaurantes em Portugal passou por uma evolução, emergindo agora como DIG-IN. O papel fundamental que tem vindo a desempenhar na transformação e digitalização do setor alimentar em Portugal culmina neste novo capítulo de crescimento.

Mas o que é que isso significa para os utilizadores? A mudança é visível  principalmente no nome e na estética, mas a essência do que trouxe a plataforma à sua atual proeminência permanece inalterada. Queríamos uma app mais jovem, mais atual e próxima dos nossos utilizadores. As cores escolhidas e as melhorias feitas na app retratam isso mesmo.

Que aspetos quiseram destacar com a nova marca?

DIG-IN significa começar a comer. Não esperar mais. É isso que esperamos que os utilizadores façam quando entrarem na DIG-IN. Que continuem a reservar os seus restaurantes favoritos e a pedir delivery ou takeaway, como sempre fizeram. Têm à sua disposição as fantásticas reviews da nossa comunidade de foodies para se inspirarem e escolherem o seu próximo spot.

Além disso, podem contar com os descontos PRO, para comerem como um rei ou rainha sem se engasgarem com o preço. Se tivéssemos de adivinhar, a única coisa que realmente precisa de fazer é encostar-se e relaxar. Porque com DIG IN, tens a papinha toda feita. A criação de um novo nome e respetivo logo pretende conferir à marca uma identidade mais atual, fresca e humana.

Quais as ambições para o futuro?

Está nos nossos planos para um futuro próximo, a internacionalização da DIG-IN. Daí que o nome também tivesse que ter este fator em conta. Este processo de rebranding marca o início de um novo capítulo na trajetória de crescimento de uma startup que se assume como 100% portuguesa, mediadora por excelência das interações entre utilizadores e restaurantes, com inovação na sua génese, uma visão de expansão para novas geografias e um foco único em conhecimento transversal dos indicadores da restauração.

Um dos pilares fundamentais da DIG-IN continuará a ser o apoio contínuo e gratuito aos 52 mil restaurantes presentes na plataforma. Todos os restaurantes estão na aplicação de forma gratuita, funcionando como um guia abrangente para todos os que querem saber onde comer. Além desta visibilidade, temos uma variedade de soluções tecnológicas que visam a digitalização e o apoio diário aos restaurantes.

Entre esses serviços, destacam-se a gestão de reservas, pagamentos, a criação de sites e-commerce e soluções de delivery com as taxas mais baixas do mercado. Temos, no fundo, a missão de facilitar a vida dos restaurantes, permitir-lhes gerir eficientemente os seus negócios num só ambiente digital.

Quais as mais-valias que retira do rebranding?

O mote “Tens a Papinha Toda Feita” reflete bem a nossa missão de proporcionar todas as soluções de restauração para as melhores experiências gastronómicas numa só aplicação.

Num mercado em constante mudança, Zomato dá o lugar à nova marca, num convite para começarmos a comer, ou pelo menos, para nos prepararmos para esse momento. A ideia é começar uma nova etapa na vida da marca que irá passar também pela sua internacionalização.

Quanto à experiência do utilizador, um aspeto que se mantém no centro das prioridades da marca, consideramos que este rebranding vai permitir uma abordagem mais ousada e provocativa na comunicação. Por outro lado, a aplicação foi afinada com base no feedback dos utilizadores ao longo dos anos, introduzindo elementos como gamification e prémios para os foodies mais ativos.

Relativamente à criatividade, esta ficou à responsabilidade da agência KISS. O diretor criativo Pedro Batalha afirma: “O desafio que nos foi colocado, em ambiente de concurso, não podia ser mais interessante e complexo ao mesmo tempo. Substituir a Zomato – uma app que nos liga ao universo gastronómico – por uma nova marca. O processo começou pela escolha sempre difícil do naming – DIG-IN, passou pela criação de uma nova identidade visual, mais simples e digital, e ganhou forma na construção de um novo posicionamento que reflete o eixo agregador da app, centrado nas necessidades do utilizador, afirmando: Tens a papinha toda feita. Podem começar, ou se preferirem, DIG-IN”.

Mariana Paulo

Quinta-feira, 07 Dezembro 2023 11:55


PUB