A opinião de… Ricardo Rocha

O US Managing Director & Global Head of Marketing da Noesis analisa a importância do Marketing no processo de tomada de decisão estratégica das organizações, defendendo que quando os marketeers se relacionam com todos os stakeholders de uma organização, o impacto é evidente.

A opinião de... Ricardo Rocha

A gestão consiste, na sua essência, no processo de tomada de decisão. Um processo muitas vezes solitário e rodeado de riscos e incertezas. Apesar de ser impossível eliminar totalmente o risco ou a incerteza na decisão, o facto é que a evolução tecnológica e do mundo dos dados e da analítica tem permitido reduzi-lo significativamente.

É neste contexto que o Marketing volta a ganhar preponderância no processo de tomada de decisão estratégica das organizações. O Marketing Intelligence consiste em captar informação e dados relevantes que permitam aos decisores tomar decisões mais informadas. No marketing e na gestão, o tempo das decisões baseadas no instinto ou na intuição acabou!

No seu percurso profissional, os gestores de marketing tomam milhares de decisões estratégicas, táticas, de negócio, procurando identificar e satisfazer da melhor forma as necessidades dos seus clientes. Tomam decisões sobre potenciais oportunidades, targets, segmentação de mercado, planeamento, implementação de estratégias de marketing, conteúdo, canais, desempenho, controlo, entre tantas outras. Decisões de elevada complexidade que obrigam ao cruzamento de diferentes fontes de dados e a interações entre as diferentes variáveis de marketing – Produto, Preço, Promoção, Distribuição. Decisões que necessitam ter em conta os fatores contextuais, muitas vezes incontroláveis, tais como as condições económicas gerais, a tecnologia, as políticas e leis públicas, a concorrência, mudanças sociais e culturais, entre outras variáveis. Assim, o marketing intelligence é uma disciplina essencial nas equipas de marketing e nas organizações. A literacia de dados é, ou deve ser, uma competência mandatória dos departamentos de marketing do futuro. Saber combinar criatividade, visão estratégica e capacidade analítica é fundamental para qualquer Marketeer. O desafio que se coloca é claro, mas exigente, ser capaz de apoiar as decisões estratégicas da organização, sendo parte ativa do processo. 

Tradicionalmente, os investigadores de marketing eram responsáveis por fornecer as informações de mercado relevantes e que suportavam (desejavelmente) as decisões tomadas pelos gestores. Hoje, esse papel é manifestamente insuficiente. Os papéis estão a mudar e a posição estratégica do marketing nas organizações, também! Os investigadores de marketing estão cada vez mais envolvidos na tomada de decisão estratégica e o marketing intelligence é peça-chave no processo de tomada de decisão.

As empresas precisam de colocar o Marketing e a Comunicação na linha da frente do planeamento e da estratégia. Este é um movimento imparável e são cada vez mais as organizações a caminhar nesta direção. Os sinais são visíveis, e animadores, Diretores de Marketing que estão a liderar a estratégia da empresa, a figura do CMO tornou-se comum no C-Suite das grandes organizações, há cada vez mais CEO oriundos do Marketing. O Marketing é um conector essencial com todos os stakeholders de uma organização e, quando lhe é dado um “lugar à mesa”, o impacto é evidente!

Ricardo Rocha, US Managing Director & Global Head of Marketing da Noesis

Quinta-feira, 15 Fevereiro 2024 12:57


PUB