Anúncios seguros? A Google quer (e tem)

12,7 milhões de contas de anunciantes suspensas e 5,5 milhões de anúncios removidos. Estes são alguns dos números revelados pelo “Ads Safety Report 2023”, que mostra o que a Google tem feito para tornar a publicidade digital mais segura.

Anúncios seguros? A Google quer (e tem)

A Google identifica como principal tendência a IA generativa e o papel que teve desde a otimização do desempenho até à edição de imagens. Contudo, e ciente da prioridade sobre a segurança online, a tecnológica aumentou a sua aposta nos Grandes Modelos de Linguagem e no treino destes para que consigam identificar bad ads a grandes velocidades.

Entre as medidas estabelecidas para tornar este ecossistema de publicidade digital mais seguro, destacam-se dois. Por um lado, e ainda numa fase inicial, os anunciantes menos conhecidos da Google têm uma publicação de anúncios limitada, e, por outro, atualizou a política de representação fraudulenta, que permite suspender rapidamente as contas de maus atores.

Em números redondos, o relatório revela que bloqueou 206,5 milhões de anúncios por violação da política de representação fraudulenta e 273,4 milhões de anúncios por violação da política de serviços financeiros.

Mariana Paulo

Segunda-feira, 01 Abril 2024 12:41


PUB