Catarina Gouveia Influencia a sua “comunidade incrível”

A influenciadora revela detalhes sobre a sua partilha diária nas redes sociais dos momentos, tanto delicados, como mais felizes.

Catarina Gouveia Influencia a sua "comunidade incrível"

Para Catarina Gouveia, ser influenciadora acarreta uma responsabilidade acrescida enquanto modelo de comportamentos. Uma preocupação mais consciente desde que é mãe. Nas redes sociais, acredita que a partilha de momentos delicados é tão importante como de momentos felizes. Até porque – defende – a vulnerabilidade nunca afasta, só aproxima.

Ser influenciadora é…

Ser consciente, responsável e empática a cada partilha.

Como surgiu o marketing de influência na sua vida?

Numa fase de grande transição de hábitos tive uma espontânea vontade de partilhá-la e senti uma enorme resposta a essa partilha. Acabou por se tornar diária e cada vez mais crescente.

Qual a sua caraterística mais marcante enquanto influenciadora?

A exigência que coloco em entregar conteúdo que se distinga pela qualidade e o facto de ter um perfil muito associado a um estilo de vida saudável.

O meu sucesso como influenciadora deve-se à comunidade incrível que acompanha os meus dias e à qual me dedico com um extremo empenho, profissionalismo e consistência.

O que a faz publicitar uma marca?

O critério número um: identificação com a marca. É importante que exista este reconhecimento entre os nossos valores, os meus e o da marca. E que, essencialmente, exista um enquadramento genuíno e orgânico da marca, no meu dia-a-dia.

Mais do que a uma marca, sonho associar-me a um projeto/causa que consiga reunir os valores que considero importantes, contribuindo para uma sociedade mais justa, integrativa e saudável.

Ser influenciadora acarreta uma responsabilidade acrescida enquanto modelo de comportamentos?

Sem dúvida! É uma preocupação que tenho presente nos meus dias! Agora, como mãe, ainda mais consciente e vigilante.

Como encara a exposição das crianças nas redes sociais?

É uma escolha muito individual que deve ser ponderada em casa pelos pais. Pessoalmente, encaro com naturalidade, desde que seja de uma forma equilibrada, consciente e sensata.

De que modo ser atriz ajuda (ou não) no seu papel enquanto influenciadora?

Sem dúvida de que a televisão é um excelente motor de notoriedade. Há uma curiosidade natural para conhecer a essência e a personalidade de quem dá vida a diferentes personagens.

Como equilibra momentos difíceis com a necessidade de mostrar o lado positivo da vida nas redes sociais?

O equilíbrio deve ser encontrado entre esses mesmos momentos, os difíceis e os bons. Essa é a grande beleza da vida! Portanto, para mim, a partilha de momentos delicados é tão importante como a partilha dos meus momentos mais felizes. A nossa vulnerabilidade nunca nos afasta, só nos aproxima.

Alguma vez pensou abandonar as redes sociais?

Nunca pensei em abandonar. Nunca senti essa necessidade. Já houve períodos em que senti necessidade de me desligar ou de afastar temporariamente, mas nunca a de deixar definitivamente. Gosto de usar as redes sobretudo para me inspirar.

Qual o anúncio mais memorável?

Talvez o anúncio da Mokambo. Até hoje sei cantarolar sem falhar a letra da música.

Sofia Dutra

Sexta-feira, 06 Outubro 2023 11:10


PUB