Desporto, Angola e mercado de capitais

Uma “analogia poderosa com o mundo do desporto de alta competição” é o mote da campanha que a Shiny People desenvolveu para a Comissão do Mercado de Capitais (CMC) de Angola, diz a agência em comunicado.

O desenvolvimento da campanha tem como objetivo principal comunicar claramente e de forma interclassista qual a missão da CMC enquanto regulador e supervisor do mercado de capitais.

A Shiny People “criou uma analogia poderosa com o mundo do desporto de alta competição, onde as regras e o escrupuloso cumprimento das mesmas – tal como nos mercados financeiros – são absolutamente necessárias para uma competição que se quer saudável, leal e transparente criando assim a associação da CMC à figura do árbitro, associação esta crucial para a boa perceção e apreensão da missão da Instituição enquanto organismo regulador e supervisor do mercado de capitais”.

A campanha conta com um filme de televisão de 60″ e 30″, uma campanha de rádio e quatro temas de imprensa.

O filme foi produzido na África do Sul e realizado por Marcel Rutschmann. As fotografias também foram produzidas na África do Sul por Ben Bergh, especialista em fotografia live-action, e pós-produzidas entre a África do Sul e Lisboa.

A modernização da imagem da CMC e a campanha de comunicação institucional são os primeiros dois momentos de uma estratégia de comunicação integrada desenvolvida pela ShinyPeople para a CMC.

briefing@briefing.pt

Quinta-feira, 17 Julho 2014 10:20


PUB