Ficámos Immerso(s) na natureza. E #ProvamosEAprovamos

Foi um mergulho na natureza aquele que experimentamos no Immerso, o hotel cinco estrelas que fica em Santo Isidoro, Ericeira. A vista para a Praia de S. Lourenço acompanhou a nossa estadia e o jantar no restaurante Emme, numa experiência a quatro mãos em que o chef Alexandre Silva convidou Julien Montbabut, do Le Monument.

Ficámos Immerso(s) na natureza. E #ProvamosEAprovamos

Audio by AI

A noite celebrou a região e a frescura dos seus ingredientes com a mestria dos dois chefs. Apesar de serem duas cozinhas com ADN distintos, “o respeito pelo produto é igual” e é isso que, garante Alexandre Silva, as une. Foram dez os momentos desta experiência que combinou a criatividade do cozinheiro convidado com a da equipa do Emme. Num registo descontraído, como é matriz do espaço, a experiência começou com quatro snacks: Lula e couve-flor, Porco e lentilha, Tartelete de ervilha lágrima, ovo de codorniz e caril verde, e Taco de Nabo com couve fermentada e noz.

Os sabores do mar deram o mote às entradas: primeiro, a Truta salmonada de Cinfães, amêndoa, alho negro e ervas; depois, o Carabineiro, caril de capuchinhas e emulsão de cabeças. Já nos pratos principais, começamos com Peixe galo, espargo branco, azeda e pil-pil, passando em seguida para a carne – Bochecha de vitela, ragoût de vegetais da horta do restaurante e alho assado.

Quanto às sobremesas – o nosso ponto fraco, admitimos – a leveza da Laranja de pala e campari e a doçura da Tarte de chocolate e caramelo salgado conquistaram-nos. Foram o ponto final numa refeição que incluiu um paring vínico feito a partir das referências incluídas na Melhor Carta de Vinhos em Restaurante de Hotel, segundo a Comissão Vitivinícola da Região de Lisboa.

As portas do Emme têm-se aberto regularmente para estes jantares. Alexandre Silva já recebeu nomes como Pedro Lemos, David Jesus, Maurício Pinto e as marcas de cerveja Vadia e de vinho Hajacortezia. A 29 de maio, há um novo encontro, desta vez com o chef Louis Anjos, do AlSud. O que se pode esperar? O casamento da cozinha de duas regiões distintas: Algarve e Oeste.

O Emme insere-se no Immerso, que, além de 37 quartos, dois dos quais suites, tem spa, piscina e bar, e um jardim orgânico. Tem ainda uma horta biológica, de onde saem alguns dos verdes que abastecem a cozinha, e que a direção quer aumentar em dimensão e produtividade. A produção é controlada mediante as necessidades da cozinha, a sazonalidade e a criatividade da equipa.

Sofia Dutra

 

Sexta-feira, 17 Maio 2024 09:01


PUB