O esquilo do Douro é um Bom Malandro

O Bom Malandro é o novo vinho do portefólio da Symington Family Estates. O processo de branding e a campanha, desenvolvidos pelas Wonder/Why e The Hotel, respetivamente, partiram de uma história, cujo protagonista é o esquilo do Douro.

O esquilo do Douro é um Bom Malandro

À semelhança de uma série ou de um filme, o novo vinho da Symington Family Estates também tem uma história, com um nome e uma narrativa. “Bom Malandro” é o nome da marca e do esquilo do Douro, que elogia a arte de bem viver. Ao esquilo – “escolhido pelo significado da espécie na região do Douro, e pelo espírito matreiro e irreverência natural que o caracteriza” – junta-se um grupo de animais, cúmplices da malandrice.

Mais do que uma marca e do que um rótulo, “Bom Malandro” quer apresentar-se como um conceito, um convite para encontrar e abraçar a malandrice interior de cada um. “Não apenas um convite, mas também um guia, que ensina a colocar de parte, por momentos, o ritmo apressado do quotidiano, e a aproveitar o melhor da vida: seja a comer e beber com os amigos; seja a conversar, a brincar, a provocar”, lê-se no comunicado da marca. Esse foi o espírito que  levou à criação do “Manual Prático do Bom Malandro”, um roteiro, disponível já no próximo ano, que reúne as filosofias de vida que orientam qualquer grupo de bons malandros com um gosto especial por vinho.

A agência Wonder/Why foi a responsável pela idealização do nome, pelo desenvolvimento da imagem e do universo visual, pela criação da estratégia e do conceito do vinho, e pela conceção do storytelling da marca e do site. Já a boutique criativa The Hotel teve a seu cargo a gestão das redes sociais, a ativação da marca e a estratégia publicitária de lançamento da campanha. Por fim, a assessoria de imprensa está com a Central de Informação.

Toda a história do esquilo Bom Malandro está disponível no site e nas redes sociais – Instagram e Facebook – da marca.

Terça-feira, 12 Setembro 2023 11:59


PUB