Silêncio, por favor!

É sabido que num jogo de ténis é preciso estar em silêncio. Porque os jogadores precisam de se concentrar. Para garantir que a multidão se cala, está lá o árbitro. Foi este o ponto de partida de uma ação de ativação de marca que a Heineken promoveu em Nova Iorque a pretexto do Open dos Estados Unidos.

Uma cadeira de árbitro foi colocada na movimentada e barulhenta Union Square e os transeuntes desafiados a sentarem-se e a conseguirem silêncio. Em jogo estavam dois bilhetes para o torneio.

Foram vários os que tentaram, mas o que disseram não logrou qualquer efeito. Apenas uma pessoa foi eficaz. E tudo porque pediu o namorado em casamento. Ficou por saber o que ele respondeu…

briefing@briefing.pt

Terça-feira, 26 Agosto 2014 09:46


PUB