Opinião

Reeleição de Obama: A vitória da mensagem relevante

Reeleição de Obama: A vitória da mensagem relevante

Obama é mais eficaz do que Romney em passar a mensagem de que pode melhorar as suas vidas tanto de uma perspectiva pessoal como da comunidade. Este facto mostrou-se decisivo na altura das votações! É esta a leitura que o diretor de Research da Havas Media Portugal, Rui Almeida, faz do resultado das eleições norte-americanas.

quarta-feira, 07 novembro 2012 17:07

É a seguinte a opinião de Rui Almeida, convidado pelo Briefing a comentar o impacto da comunicação na escolha de Obama:


“A vitória de Barak Obama nas eleições vem confirmar os dados obtidos num estudo da Havas Media que mediu a relevância dos dois candidatos, segundo a percepção do eleitorado norte-americano. A análise Meaningful Brands da Havas Media já, antes das eleições, tinha revelado que Obama é mais eficaz do que Romney em passar a mensagem de que pode melhorar as suas vidas tanto de uma perspectiva pessoal como da comunidade. Este facto mostrou-se decisivo na altura das votações!

Obama mostrou-se mais forte do que Romney em todas as áreas ligadas à comunidade, ambiente e segurança, destacando-se, em particular na característica “ouve e importa-se com as pessoas”. Já Romney, nas semanas que antecederam as eleições, mostrou alguma capacidade de fazer com que a sua percepção de relevância crescesse, especialmente no que dizia respeito à promoção da economia e criação de emprego e confiança no país. Uma vantagem que se dissipou, após o Furacão Sandy, que voltou a colocar o foco da campanha nas comunidades, no ambiente e nas pessoas.

Também a forma como os dois candidatos conseguiram passar as suas mensagens nos meios de comunicação foi diferente, até pelo próprio perfil dos eleitores. Comparando conservadores e liberais, a percentagem de eleitores que admitiram usar o twitter foi o triplo no caso dos liberais. Obama capitalizou este factor e mostrou ter uma vantagem competitiva contra Romney no que diz respeito aos social media, que acabou por se tornar crucial.

Os dados do estudo Meaningful Brands, comprovados pelos resultados das eleições, parecem mostrar que as pessoas nos Estados Unidos da América, bem como no resto do mundo, esperam uma maior relevância nas suas vidas. Torna-se claro que as pessoas estão a tentar ter vidas melhores e que as suas expectativas aumentam quanto ao papel das instituições, marcas e políticos neste processo. Quem conseguir comunicar de forma consistente e séria esta relevância acabará por ter a vantagem face à concorrência. E isto mostra-se verdade, tanto para marcas comerciais, como para marcas de candidatos presidenciais”.

Rui Almeida, diretor de Research da Havas Media Portugal

Fonte: Briefing

quinta-feira, 08 novembro 2012 10:41

bt nl

O Outdoor Honesto

À Escolha do Consumidor

Edições Especiais

Assinatura Mensal
Edição MensalE-paper

Facebriefing