×

Alerta

JUser: :_load: Não foi possível carregar o utilizador com o ID: 87
Publicidade

Eurobest volta a preferir Lisboa em 2013

Eurobest volta a preferir Lisboa em 2013

Em 2013 o Eurobest, o maior festival de criatividade da Europa, vai voltar a quebrar a tradição de mobilidade e regressar a Lisboa. O anúncio foi feito hoje pelo ceo da Lions Festivals, Philip Thomas, na apresentação da edição de 2012, marcada para a capital portuguesa de 28 a 30 de novembro.

sexta-feira, 19 outubro 2012 16:31


A relação do festival com Lisboa começou o ano passado. O sucesso alcançado - mais de 1500 presenças e um federal muito positivo da indústria - justificaram o regresso em 2012, ano do 25º aniversario. As mesmas razões ditaram que Lisboa fosse o palco eleito para o próximo ano, não obstante o interesse de outras cidades.

Hoje, em Lisboa, na apresentação da 25ª edição do festival, Philip Thomas disse que uma sondagem junto dos participantes em 2011, nomeadamente da indústria publicitária, confirmou que a realização do evento na capital portuguesa era percecionada como uma "experiência inspiradora", tendo a ideia de um regresso sido acolhida muito favoravelmente. Um acréscimo de 25 por cento nas inscrições de participantes, face ao ano passado, ratifica a escolha.

Uma escolha que não podia vir em melhor altura, a crer nas palavras de Vasco Perestrelo, ceo da MOP e representante dos festivais de Cannes e Eurobest em Portugal. Porque, numa "altura em que há cada vez mais machadadas à auto-estima" dos portugueses, o regresso do festival confirma o interesse da indústria pelas pessoas e pela capacidade da cidade de Lisboa de organizar eventos desta dimensão.

"A conjuntura faz-nos esquecer das nossas qualidades. E, infelizmente, muitas vezes precisamos que sejam os outros a lembrar-nos", comentou.

Já o anfitrião do encontro com os jornalistas, António Costa, presidente da câmara de Lisboa, recorreu a slogan publicitário para enfatizar que o Eurobest "veio para ficar", primeiro um ano, depois dois, agora três: "Esperamos que se convertam em seis e depois em 12...", desejou.

Para o autarca, é importante que o Eurobest aconteça em Lisboa, pelo contributo para elevar a auto-estima do País, mas também porque confirma o lugar da cidade entre as oito com maior potencial para a realização de eventos internacionais. E ainda pelo impulso ao desenvolvimento da indústria criativa nacional. João Soares quer fazer de Lisboa uma cidade "uau", onde os participantes no festival queiram voltar.

Esta não é, contudo, uma aposta isolada do executivo municipal. Em preparação - e para aprovação na próxima reunião camarária - está a Lisbon Film Comission, que terá como missão ser uma ferramenta facilitadora do diálogo entre a indústria criativa e a autarquia, simplificando procedimentos, mas também promover a cidade na conquista de novas produções.


Fonte: Briefing

terça-feira, 23 outubro 2012 11:15

bt nl

À Escolha do Consumidor

Assinatura Mensal
Edição MensalE-paper

Facebriefing

Melhores Briefing