Publicidade

Cannes diz não a campanhas sexistas

O Festival Internacional de Criatividade de Cannes tem uma nova prerrogativa: não reconhecer trabalhos que exponham estereótipos de género e perpetuem imagens negativas sobre as mulheres. Trata-se do resultado do movimento #WomenNotObjects, iniciado no ano passado pela chief creative officer da agência Badger & Winters, Madonna Badger.

terça, 07 fevereiro 2017 12:54
Cannes diz não a campanhas sexistas

A organização do festival diz estar já a alertar os jurados para esta iniciativa, que chega num momento em que a discussão sobre igualdade e representação das mulheres "está na ordem do dia".

"O critério para avaliar um trabalho é a empatia. Use o coração para determinar se o anúncio é aceitável para si. E se a pessoa retratada fosse você? Ou o seu filho, irmã, pai ou mãe... o que acharia? Acha que estão a ser tratados como seres humanos iguais e como você gostaria de ser tratado?", questiona a organização.

"Isto fará com que cada agência repense o tipo de publicidade que está a criar, independentemente de ganhar prémios ou não, e porque o festival de Cannes é o "óscar" da publicidade, irá definir o tom para os festivais em todo o mundo", refere Madonna Badger.

Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

 

bt nl

Assinatura Mensal
Edição MensalE-paper

Facebriefing

Melhores Briefing